Vice-presidente do TCE-AM é homenageada em aniversário de 66 anos do Comando Militar da Amazônia

Facebook
Twitter
WhatsApp
Em comemoração aos 66 anos de fundação do Comando Militar da Amazônia (CMA), a vice-presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), conselheira Yara Lins dos Santos, foi homenageada, na noite de quinta-feira (27), com o ‘Diploma de Amigo do CMA’. A honraria é concedida pela instituição militar para personalidades reconhecidas pelos relevantes serviços prestados e demonstração de amizade pelo CMA, contribuindo para o cumprimento da missão constitucional do Exército Brasileiro na Amazônia Ocidental.
A entrega da homenagem aconteceu na sede do Comando Militar da Amazônia, no bairro Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus. Durante o evento, outras 17 personalidades também foram agraciadas com a honraria.
“Estou muito feliz e grata por estar recebendo essa homenagem de uma instituição tão importante para a nossa região como é o Comando Militar da Amazônia. Recebo o diploma como forma de reconhecimento ao meu trabalho desempenhado frente à Corte de Contas amazonense, mas sempre destacando que nada disso seria possível sem o trabalho conjunto que realizamos no Tribunal, desde os conselheiros, até os servidores”, comentou a conselheira Yara Lins dos Santos, ao agradecer pela homenagem.
Também durante o evento foi realizada a formatura das tropas das organizações militares da guarnição de Manaus. A formatura destacou a memória do Capitão-Mor PEDRO TEIXEIRA, o “Conquistador da Amazônia”, que logrou êxito em conquistar tão vasto território amazônico durante a União Ibérica.
“No aniversário do Comando Militar da Amazônia desejamos que todos nós, integrantes, consigamos manter as tradições de glória e vitória que mantém em defesa desse pedaço tão distante e tão rico do nosso território nacional. Nós temos muito orgulho de hoje estarmos comemorando 66 anos de vitória da Amazônia”, destacou o Comandante Militar da Amazônia, General FURLAN.
Histórico
O Comando Militar da Amazônia foi criado em 27 de outubro de 1956, por meio do Decreto nº 40.179, tendo sede em Belém (Pará), e recebeu atribuições idênticas às fixadas para os Comandos de Área do Exército.
Já em 17 de abril de 1969, com a publicação do Decreto nº 64.366, sob o comando do General RODRIGO OTÁVIO, a sede do CMA passou para Manaus, assim como foi criada (na referida data) a 12ª Região Militar também com sede na capital amazonense e jurisdição sobre os Estado do Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima.
Facebook
Twitter
WhatsApp
Email
Telegram
Print

MATÉRIAS RELACIONADAS

AMAZONAS

TCE - EM PAUTA

MANAUS

ASSEMBLEIA EM PAUTA

CÂMARA EM PAUTA

SÉRIE O AMAZONAS