Presidente do TCE-AM prestigia posse de ministro Bruno Dantas na presidência do TCU

Facebook
Twitter
WhatsApp

O presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), conselheiro Érico Desterro, participou da posse da nova presidência do Tribunal de Contas da União (TCU), ocorrida na manhã desta quarta-feira (14). A nova gestão do TCU para o próximo ano será conduzida pelo novo presidente, ministro Bruno Dantas, e vice-presidente, ministro Vital do Rêgo.

Prestigiando a posse do ministro, o conselheiro Érico Desterro destacou a proximidade de Bruno Dantas com o TCE-AM, local onde já teve a oportunidade de palestrar e participar de grandes eventos.

“O ministro Bruno Dantas conquistou, muito jovem, o respeito de todos na área do controle. Conduziu importantes fiscalizações no quadro de ministros do TCU, e já contribuiu muito para ações da Corte de Contas amazonense. Sem dúvidas, o Tribunal de Contas da União tende a  crescer muito na gestão do ministro”, destacou o presidente do TCE-AM, conselheiro Érico Desterro.

Sobre o ministro

Eleito presidente do TCU por unanimidade no último dia 7 de dezembro, o ministro Bruno Dantas já ocupava o cargo da presidência de forma interina desde julho, em razão da aposentadoria da ministra Ana Arraes.

Um dos ministros mais jovens a ocupar uma cadeira no TCU, Bruno Dantas tem uma trajetória sólida no serviço público. Natural de Salvador, chegou em Brasília aos 19 anos, concluindo a graduação em Direito e iniciando carreira na área pública. Começou como servidor concursado do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e foi Consultor Legislativo do Senado Federal por 11 anos. É considerado um dos mais influentes processualistas do Brasil, com pós-doutorado em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e inúmeros livros publicados.

Desde 2014 integra o quadro de ministros do TCU e tem conduzido importantes fiscalizações, como as recentes auditorias no processo eleitoral brasileiro. A atuação do ministro foi fundamental para tranquilizar os eleitores e frear a disseminação de fake news sobre o pleito e as urnas eletrônicas. Com habilidade para promover o diálogo institucional, também tem contribuído ativamente para a construção de soluções em processos complexos do setor de infraestrutura.

Com informações do Tribunal de Contas da União.
Facebook
Twitter
WhatsApp
Email
Telegram
Print

MATÉRIAS RELACIONADAS

AMAZONAS

TCE - EM PAUTA

MANAUS

ASSEMBLEIA EM PAUTA

CÂMARA EM PAUTA

SÉRIE O AMAZONAS