Governo do Amazonas encerra a 2ª edição do Festival Amazonas de Turismo

Facebook
Twitter
WhatsApp
Foto: Janailton Falcão/Amazonastur

Com muita cultura, gastronomia e diversão, o Governo do Amazonas, por meio da Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), encerrou a segunda edição do Festival Amazonas de Turismo, no sábado (26/11), no Centro de Convenções do Amazonas Vasco Vasques (CCAVV). Com mais de 5 mil visitantes, o evento fortaleceu o turismo como um dos setores essenciais para movimentar a economia no estado.

Durante o evento, tanto a capital quanto os municípios apresentaram seus roteiros turísticos, passando pela culinária, turismo de aventura, pesca, artesanato e entre outros.

Mais de 5 mil pessoas, entre público geral e profissionais do setor turístico, estiveram presentes no festival, prestigiando a programação que contou com palestras, atrações musicais, feira de artesanato e apresentação do trade turístico dos municípios, fortalecendo as atividades inclusas no mapa de turismo brasileiro.

Para o diretor-presidente da Amazonastur, Gustavo Sampaio, o evento foi essencial para trocar experiências sobre potencialidades, para o público conhecer melhor o estado e fortalecer o turismo como fonte de emprego e oportunidades.

“Os municípios vieram promover sua cultura, arte e suas potencialidades. A gente vai continuar trabalhando, o Governo do Estado e a Amazonastur, para promover o turismo no Amazonas, entendendo este como potencial gerador de empregos, renda e oportunidades”, destacou Sampaio.

Para o prefeito de Novo Airão, um dos 16 municípios presentes, Roberto Frederico, o evento impulsiona os municípios. “Eu estou muito feliz e acreditando muito no avanço, nesta sacada que o governo procura, que é o fortalecimento do turismo no interior do estado, fazendo vários investimentos para que cada vez mais a gente se fortaleça e melhore a vida das pessoas, gerando emprego e renda no turismo”, enfatizou.

Gastronomia

Durante dos dias de palestras organizadas pelo Departamento de Turismo do Amazonas (DTUR) da Amazonastur, propostas de viabilidades de turismo foram debatidas. Entre elas, a gastronomia. O DTUR lançou uma proposta de roteiro de turismo gastronômico, destacando a valorização da cultura e da história do local.

A chefe de cozinha Samantha Arroyo, uma das palestrantes sobre “Cultura amazônica através da gastronomia: da simplicidade ao requinte”, destacou a riqueza culinária regional como destaque no Amazonas; e como a criatividade aliada a técnicas de preparo podem abrir portas.

“A gastronomia e o turismo estão ligados historicamente, como eu sempre falo. Se a gente volta à história da gastronomia, a gente vê quanto o mundo se transformou por causa da alimentação. Onde estamos é um local riquíssimo, que é o Amazonas. Basta a gente ter uma consciência de técnica, ter uma vontade de se expressar na cozinha e não ter medo”, destacou.

As palestras reuniram turismólogos, prefeitos, secretários municipais de turismo, proprietários de restaurantes, bares, hotéis, pousadas e demais empreendimentos que fomentam o setor.

Atrações musicais

Consolidando os ritmos locais e valorizando os artistas amazonenses, a programação musical do evento contou com as participações dos bois do Festival de Parintins, além das cirandas de Manacapuru, Grupos Musicais Cateto da Toada de Parintins, Grupo Arte Sem Fronteiras, Musical “Tambores e Folias” com Salomão Rossy, Cirandas de Manacapuru e com o musical “Elas Cantam Samba”, com Lucilene Castro, Márcia Siqueira e Cláudia Trindade.

Participações

Além da capital amazonense, Atalaia do Norte, Careiro, Iranduba, Itacoatiara, Manacapuru, Manaquiri, Maués, Nhamundá, Novo Airão, Novo Aripuanã, Parintins, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, São Sebastião De Uatumã e Tabatinga estiveram presentes para apresentar os roteiros turísticos das atrações dos municípios.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email
Telegram
Print

MATÉRIAS RELACIONADAS

AMAZONAS

TCE - EM PAUTA

MANAUS

ASSEMBLEIA EM PAUTA

CÂMARA EM PAUTA

SÉRIE O AMAZONAS