CRISE: Microsoft fecha fábrica na Zona Franca de Manaus

Facebook
Twitter
WhatsApp

 

 

CRISE: MICROSOFT FECHA FÁBRICA NA ZONA FRANCA DE MANAUS

Em Manaus a Microsoft vendeu a fábrica que tinha na Zona Franca da Capital e encerrou suas operações , mais de 1.200 pessoas ficaram desempregada

Com a venda da Microssoft a fabricação do Xbox será feita em Sorocaba.

ZONA FRANCA

Além de os incentivos fiscais compensarem mais, pesou muito na decisão o fato de a Suframa estar sem comando desde o começo do ano de 2015, o que emperra decisões burocráticas.

Uma das vantagens são os incentivos fiscais compensarem mais e a instalação mais próxima dos mercados consumidores. Em julho deste ano, a empresa começou a demitir empregados da fábrica da antiga Nokia, a única planta de celulares da companhia no País, que aderirem ao Plano de Demissões Voluntária (PDV).

Aqui no Brasil, a companhia possui 2,4 mil colaboradores, a maioria em Manaus. A informação é do setor de comunicação da multinacional. De acordo com o comunicado da Microsoft, o objetivo é reduzir custos e simplificar operações. A companhia já declarou que irá cortar até 7,8 mil postos de trabalho em todo o mundo, a maior parte no segmento de telefonia móvel, após a perda de participação no mercado

MELO INSTITUI COMISSÃO ESPECIAL PARA APRIMOAR CONCESSÃO DE BOLSA PELA FAPEAM

Por meio de decreto publicado no Diário Oficial do Estado, o govenador do Amazonas José Melo instituiu a comissão especial que vai verificar os programas de bolsas de estudo, auxílio à pesquisa ou subvenção econômica para apoio à inovação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam).

MELO BRASILIA

Segundo Melo o objetivo e aperfeiçoar os mecanismos de controle e modernizar os programas, a comissão fará pelos próximos três meses análise detalhada, sugerindo o aprimoramento dos instrumentos legais para concessão e acompanhamento dos benefícios direcionados ao setor de ciência e tecnologia.

A comissão foi instalada após a Fapeam verificar inconsistências no recadastramento de bolsistas e identificar o descumprimento das regras previstas nos editais por parte de alguns beneficiários. O diagnóstico preliminar feito pela Fundação constatou problemas como a falta de envio por parte dos bolsistas de relatórios técnico-científicos e da frequência, o abandono dos cursos para os quais recebem bolsa de estudo e a violação de obrigações legais previstas no ato de concessão das subvenções, como não finalizar os projetos para o qual teve fomento financeiro.

Para evitar que os problemas se repitam, o governo amazonense pretende reforçar e modernizar os instrumentos legais de concessão e os mecanismos de acompanhamento.

O JOGO DO IMPEACHMENT

Ao conceder as três liminares o Supremo embaralhou o jogo do impeachment, quebrando as regras definidas por Eduardo Cunha para a tramitação do processo.

Sem dúvida alguma que ganhou com todo esse jogo de liminares, foi o governo. Até ontem parecia que o impeachment era claro, hoje há um tempo para respirar e buscar saídas. A decisão é boa para Dilma, mas ela ainda está longe de ganhar esse o jogo.

A oposição perde forças, já que as liminares praticamente impedem um jogo ensaiado entre Cunha e opositores para abrir o processo de impeachment na Câmara.

CUNHA CONTINUA NA VITRINE

Cunha continua na vitrine. Continua sendo assediado por governo e oposição em busca de acordos e ainda tem poder para colocar o impeachment para andar. Mas perdeu um tempo precioso com a decisão de ontem e corre o risco de perder a cabeça antes de poder cortar a de Dilma.

NA UTI DILMA RESPIRA

Três liminares concedidas pelo STF barraram o andamento do impeachment na Câmara. As decisões dos ministros Teori Zavascki e Rosa Weber suspenderam a aplicação das regras estabelecidas por Eduardo Cunha para dar andamento aos pedidos de afastamento de Dilma. Com isso, a presidente poderá conseguir mais tempo para articular politicamente a defesa do seu mandato.

Dilma e aliados celebraram com raro entusiasmo as liminares. Ela recebeu a notícia quando estava reunida com ministros da coordenação de governo. Michel Temer, beneficiário direto de um eventual afastamento, testemunhou a cena em silêncio.

ESTRATÉGIA DO GOVERNO

Dilma e Lula, em discursos em evento da CUT em SP, deixaram claro que a estratégia agora será falar que as pedaladas foram dadas para garantir a continuidade dos programas sociais. Dilma, em sua dura fala, criticou “moralistas sem moral e conspiradores”, associou impeachment a golpe e acusou a “obsessão dos inconformados com a derrota nas urnas”.

formato real2

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email
Telegram
Print

MATÉRIAS RELACIONADAS

AMAZONAS

TCE - EM PAUTA

MANAUS

ASSEMBLEIA EM PAUTA

CÂMARA EM PAUTA

SÉRIE O AMAZONAS