Sema e Ministério da Agricultura discutem soluções técnicas para manejos de pesca no Amazonas

Comitiva da Secretaria de Aquicultura e Pesca do Governo Federal esteve em agenda, no município de Tefé, até este sábado (17/10)

Uma comitiva da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) e da Secretaria de Aquicultura e Pesca (SAP) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) desembarcou, nesta semana, no município de Tefé (a 552 quilômetros de Manaus). O objetivo da visita foi discutir soluções técnicas em parceria para as cadeias produtivas do pirarucu e do jacaré manejados.

A comitiva do Governo Federal foi liderada pelo secretário de Aquicultura e Pesca do Mapa, Jorge Seif Junior. Segundo ele, o encontro com representantes do Governo do Amazonas visa buscar caminhos, no âmbito federal, para valorização das comunidades de manejadores atuantes nas Unidades de Conservação Estaduais gerenciadas pela Sema.

“Na década de 2000, o pirarucu já estava entrando em colapso, praticamente em extinção e, através do trabalho sério dos Governos Federal e Estadual, essas comunidades fizeram seu dever e as populações se recuperaram. Logicamente que essas comunidades têm muitas demandas que estão nas mãos da Secretaria Nacional de Aquicultura e Pesca, então, estamos levando na bagagem alguns trabalhos de casa para que esse produto seja mais valorizado, certificado e que essas pessoas recebam dignamente pelo maravilhoso produto que produzem”, disse.

A equipe desembarcou em Tefé, na quinta-feira (15/10). Na ocasião, a comitiva realizou visita ao Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (IDSM) para conhecer o trabalho desenvolvido com manejo de pirarucu e jacarés na Unidade de Conservação do Estado. Pela tarde, a equipe viajou até a zona rural do município para uma reunião com grupos de manejadores de pirarucu da Comunidade Jurupari.

Durante as visitas, o grupo conheceu a história e o potencial do manejo na conservação dos recursos naturais e geração de renda para as comunidades ribeirinhas. Para o secretário de Estado do Meio Ambiente, Eduardo Taveira, o encontro é determinante para impulsionar as cadeias produtivas, a partir de um alinhamento estratégico conjunto entre Estado e União.

“Todas as categorias de manejo, que são desenvolvidas em exclusividade nas Unidades de Conservação do Amazonas, têm um grande potencial de geração de renda e também de conservação ambiental para o estado. Então, é um tema que interessa muito: melhorar toda essa estrutura da cadeia produtiva, ter os certificados de inspeção federal para que a gente possa pensar na exportação desse produto, tendo um apoio da Secretaria Nacional de Pesca para entender como esses gargalos produtivos do manejo, até chegar no mercado, podem ser apoiados pelo Governo Federal”, informou.

Na sexta-feira (16/10), o grupo do Governo Federal seguiu a agenda, no município de Tefé, para acompanhar a despesca do Pirarucu na Comunidade Jurupari. Uma reunião técnica entre representantes da Sema e da comitiva, para a discussão dos próximos encaminhamentos e estratégias de atuação conjunta, encerrou a programação da comitiva no Amazonas, neste sábado (17/10).

Fizeram parte da comitiva grupos da Coordenação-Geral de Ordenamento e Desenvolvimento da Pesca Continental do Mapa (CGPC), do Departamento de Registro e Monitoramento de Aquicultura e Pesca (DRM/SAP) do Ministério, de Superintendências Federais de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, além de representantes do Núcleo de Pesca da Sema e do Departamento de Mudanças Climáticas e Gestão de Unidades de Conservação da Secretaria.

PORTAL DO AMAZONAS.COM

Redação (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/
Close