Ônibus bloqueiam várias avenidas do centro de Manaus

Na manhã  desta sexta-feira (31), em um ato de protesto mais de trinta ônibus bloquearam várias avenidas do Centro de Manaus.

Com apenas 60% da frota circulado, nas ruas da capital, os funcionários dos transportes coletivos, ocupavam uma faixa das avenidas Constantino Ney, próximo do T1 e Leonardo Malcher e Ferreira Pena.

O presidente do Sindicato dos Rodoviários, Givancir Oliveira, que a decisão de parar os ônibus no T1 e na Leonardo Malcher é dos próprios motoristas. Oliveira afirmou que os rodoviários baixaram a pedida de reajuste para 3%. Eles estavam pedindo 3,5%, mas que mesmo assim não houve acordo.

O assessor jurídico do Sinetram, Fernando Borges, informou que só vai voltar a negociar com os rodoviários quando a greve for encerrada. Borges confirmou que os empresários chegaram a oferecer 1,5% de reajuste e que as empresas não têm condições de dar 3 ou 3,5% como querem os rodoviários. “Se eles pararem a greve e sentarem para negociar, ai começa tudo do zero”, afirmou.

Sobre a paralisação no Centro, ele disse que já existe uma decisão da Justiça para usar a força policial.

PORTAL DO AMAZONAS.COM

REDAÇÃO- (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Check Also

Close
Close