Mutirão de Cadastro Único da prefeitura atende mais de mil famílias da zona Norte de Manaus

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), realizou no sábado, 17/9, a 15ª edição do Mutirão do Cadastro Único, atendendo as demandas do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Terra Nova, alcançando mais de mil famílias da zona Norte da cidade. A ação foi realizada na Escola Municipal Jornalista Sabá Raposo, localizada no bairro Monte das Oliveiras, zona Norte. 

“Após um breve período realizando demandas gerais na sede da Semasc, voltamos hoje a trazer os mutirões para mais próximo da população. A ordem do prefeito David Almeida é bem clara: priorizar a redução do tempo de espera das filas dos nossos equipamentos. Haviam pessoas no CRAS Terra Nova com o cadastro agendado para dezembro e hoje estamos aqui acabando com essa espera”, destacou o secretário municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania, Eduardo Lucas. 

Fotos – Marcely Gomes / Semasc

Além das 600 famílias previamente agendadas para serem atendidas pela ação, o mutirão “debutante” – como descrito pela diretora de Área de Proteção Social da Semasc, Lilian Gomes – também atendeu a demandas espontâneas de outros bairros da zona Norte que não estão necessariamente referenciados na unidade. 

“O maior diferencial aqui é que estamos atendendo a zona mais populosa de Manaus, justamente onde são registrados os nossos maiores gargalos no atendimento à população. Como o Cadastro Único não possui territorialidade específica, a ideia foi atrair justamente atrair o maior número de pessoas residentes de bairros próximos possível, não se limitando apenas a esse CRAS”, explicou Lilian. 

Fotos – Marcely Gomes / Semasc

Parte da demanda espontânea presente na ação, a dona de casa Maria Letícia, 57, foi avisada por uma das filhas da existência do mutirão e não perdeu tempo. “Minha filha me ajuda como pode e às vezes não dá, né? Por não possuir nenhum tipo de renda eu me vi precisando muito desses benefícios, então minha filha pagou minha passagem de ônibus para que eu conseguisse vir hoje e, graças a Deus, o atendimento foi nota 10!”, disse.

Já a mãe da pequena Aurora, Antônia Alcinete, 27, veio do interior e teve seu cadastro agendado previamente e sendo atendida pela ação deste sábado. “Vai me ajudar bastante, né? No momento estou desempregada e sou mãe de uma criança de 2 anos, então a gente precisa sempre comprar remédios e outras coisas. O atendimento foi excelente, rápido, ágil. A Prefeitura realmente se saiu muito bem nessa, estão de parabéns!”, finalizou.

Machado Edson

REDAÇÃO PORTALDOAMAZONAS.COM (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Check Also

Close
Close