Modernização da CMM é destacada em programa alusivo ao aniversário da Assembleia de Deus

As ações e projetos executados com o objetivo de tornar a Câmara Municipal de Manaus (CMM) cada vez mais próxima da população, e que possibilitaram à casa legislativa, dar um salto da 49ª posição para o primeiro lugar no quesito transparência em 2020, no Amazonas, foram destacados pelo presidente Joelson Silva (Patriota), nesta quinta-feira (18), durante entrevista ao vivo na Rádio e TV Boas Novas.

A emissora está com sua programação voltada para as comemorações dos 109 anos de fundação da Assembleia de Deus no Brasil, que começaram nesta quinta-feira e seguem até sábado (20) e, o parlamentar, que é membro da congregação, foi convidado para fazer uma síntese de um ano e meio à frente do órgão.

Além de fazer referência aos assuntos como as reformas física e operacional da Câmara, que incluem o novo painel eletrônico e o funcionamento das rádios e TV Câmara, Joelson Silva anunciou que, em parceria com o Senado Federal, tem trabalhado um projeto que visa transformar a Escola do Legislativo, em um centro de formação moderno, que possibilite a presença de instrutores profissionais renomados e a oferta, em maior escala, de cursos para a população.

O projeto em questão não terá nenhum custo para a CMM, mas ainda está em fase de formatação. Joelson esclareceu, porém, que fará todos os esforços para implantá-lo, até o fim deste ano, com o apoio do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM/AP).

“O senador Alcolumbre me apresentou essa possibilidade. Pensei que isso poderia se transformar em um grande instrumento para formar pessoas, em um projeto pujante, sem interferência política. Fiquei entusiasmado. Cheguei a ver pessoas no Senado que, na época em que eu estudava direito, eram os escritores que eu lia e eles lecionam lá. Imagine ter essas pessoas aqui?! É uma parceria que nos rendeu muita transparência e que pode dar ainda mais, para a Câmara, na cidade de Manaus. E o melhor, sem custo para a CMM”, justificou Joelson Silva.

Informatização e economia

Desde que assumiu a presidência, em janeiro de 2019, o vereador tem trabalhado para dar mais agilidade aos processos de digitação e digitalização da Câmara.

Neste sentido, com o apoio do Senado Federal, Joelson contou que foi possível trazer o programa Interlegis e, por meio dele, o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SAPL). Ambos começaram a ser implantados no segundo semestre do ano passado. Entre os benefícios gerados estão a substituição gradativa dos documentos físicos por digitais, redução de despesas com papeis e um maior acompanhamento, por parte da população, das informações sobre tramitação de projetos de leis, indicações, requerimentos, entre outros.

A ideia deu tão certo que, no início de 2020, pôde ser socializada com Câmaras do interior do estado, entre elas a de Barcelos (a 405 quilômetros de Manaus).

Modernização

O novo painel eletrônico é resultado de todo o processo de modernização e digitalização da CMM.

“O painel tem servido para várias atividades e sua funcionalidade despertou o interesse de outros órgãos, como a conselheira Yara Lins, que quando estava na presidência do Tribunal de Contas do Amazonas, disse que trabalharia para instalar um painel nos mesmos moldes no TCE”, disse.

O presidente também se referiu à reforma feita no plenário Adriano Jorge e no Memorial Carlos Zamith.

“Vamos deixar toda a história da Câmara digitalizada. O cidadão vai poder acessar e ver o que o ex-presidente da CMM, Joel Silva fez, por exemplo. É uma pessoa que tenho como referência e cujo legado repassarei para as futuras gerações, com muito orgulho”, frisou Joelson Silva se referindo a seu pai que foi vereador.

Rádio e TV

Sobre o funcionamento da rádio e TV Câmara, Joelson Silva enalteceu o apoio dado pelo deputado Rodrigo Maia (DEM/RJ) e o senador Davi Alcolumbre, presidentes da Câmara e do Senado, para que o sonho de colocar as emissoras no ar, em canal digital, virasse realidade.

“As duas emissoras também são parte dos instrumentos de transparência que implantamos na Câmara. Acho que, no Brasil, só a cidade de Manaus tem esse tipo de parceria com os dois poderes”, ressaltou.

Sessões virtuais

Obedecendo a orientação das autoridades de saúde de evitar aglomerações, como medida preventiva ao contágio pelo coronavírus, a Mesa Diretora da Câmara publicou um ato reduzindo as atividades presenciais na Casa, passando inclusive a realizar sessões plenárias virtuais, para dar continuidade à análise e aprovação de projetos de lei de interesse da população.

“Todas as matérias relacionados ao controle da pandemia foram, em sua maioria, votadas no mesmo dia. Entrávamos pela noite, mas votávamos tudo. Destaco aqui o projeto Nossa Merenda, que o Executivo elaborou, com o objetivo de beneficiar os alunos da rede municipal de ensino, cujo valor era de R$ 25. Votamos na segunda comissão, depois liguei para o prefeito, e conseguimos dobrar o valor para R$ 50. Ele encontrou recursos e esse valor está ajudando quase 60 mil crianças. Alguém pode dizer que é pouco, mas para quem não tem nada, ajuda bastante”, afirmou.

Emendas

Em relação aos problemas ocasionados pelo novo coronavírus, Joelson Silva fez referência aos R$ 9 milhões destinados pelos vereadores para a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), uma medida capitaneada por ele, e informou que a Casa precisou suspender o recesso parlamentar de meio do ano, para continuar os trabalhos de enfrentamento ao problema, em apoio a outros órgãos municipais e estaduais.

Joelson informou, ainda, que as atividades presenciais na Câmara de Manaus deverão ser retomadas até o fim deste mês ou no início de julho. Ele enfatizou que continua a primar pela união entre os poderes, em relação a qualquer medida que seja tomada em favor da população.

“Sabemos das nossas prerrogativas de fiscalizador, mas precisamos ajudar prefeitura e governo a fazerem sua parte”, disse.

Futuro

Sobre o futuro, o vereador informa que pretende continuar na vida pública.

“Sou formado em direito. Nesse momento estou como gestor, trabalho como vereador e vou à tribuna. Não tenho medo de andar nas ruas, sou uma pessoa limpa, minha biografia está aí. Tenho defeitos, como todos têm, mas estou ciente da minha missão como pessoa e parlamentar”, finalizou Joelson Silva.

A conversa com os pastores/apresentadores Israel Carvalho, Ivo Vieira e Celso Damasceno, no programa “Voz da Assembleia de Deus”, durou quase duas horas, e também foi transmitida pelas redes sociais.

PORTAL DO AMAZONAS.COM

REDAÇÃO- (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Check Also

Close
Close