Marcelo Ramos: ” O país perdeu a Copa do Mundo no time da roubalheira, da má gestão do dinheiro público”

MARCELO-RAMOS-PSB-ACA-9-572x381

Do plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), na  quinta-feira (12), o deputado estadual Marcelo Ramos (PSB), disse: Ainda que o Brasil ganhe a Copa de 2014, o que ele deseja, mesmo assim terá perdido uma grande oportunidade de deixar um legado relevante, inclusive em obras de infraestrutura. O parlamentar lembrou que a Copa do Brasil custou R$ 40 bilhões, “mas, infelizmente, a população não terá um legado pós-Copa à altura”.

No Amazonas, Marcelo Ramos disse que brasileiros e estrangeiros terão a oportunidade e a alegria de assistir alguns jogos na Arena da Amazônia Vivaldo Lima, que custou aos cofres públicos R$ 700 milhões. “No entanto o governo do Estado ainda não sabe o que fazer com toda aquela estrutura após o término dos jogos”, lamentou.

Na opinião de Marcelo Ramos, o país perdeu a Copa do Mundo no time da roubalheira, da má gestão do dinheiro público, da ineficiência, da mentira e de obras públicas inacabadas. Por sua vez, disse que o Amazonas perdeu de goleada no “quesito incompetência”, ao chegar aos jogos da Copa sem ter feito nenhuma obra de infraestrutura urbanística. “Não fez o monotrilho Enem o BRT, muito menos revitalizou o Porto de Manaus e o Centro Histórico de Manaus”, mencionou.

“Não podemos permitir que toda a euforia da Copa do Mundo jogue para debaixo do tapete toda a bandalheira que envolveu esse evento no Brasil e no Estado do Amazonas”, disse Ramos, ressaltando que a alegria que toma conta de cada brasileiro não deve afastar a sua responsabilidade de denunciar.

PORTAL DO AMAZONAS.COM

REDAÇÃO- (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Check Also

Close
Close