Ipaam inicia digitalização de processos administrativos

Visando dar mais transparência e celeridade aos processos administrativos, o Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) iniciou a digitalização de cerca de 20 mil documentos que se encontram no órgão. No total, segundo o Ipaam, este trabalho vai digitalizar quatro milhões de páginas.
 
De acordo com o diretor-presidente do Ipaam, Juliano Valente, o processo de digitalização é uma forma de dar mais transparência e mais eficiência ao trabalho desenvolvido pelo órgão.
 
“A iniciativa trará para o Instituto um processo de modernização, pois além de tornar o trâmite e o acesso a esses processos mais eficiente, também permitirá a desburocratização de fluxos e acompanhamento de demandas até seu despacho final”, disse o diretor.
 
Valente informou ainda que por ano são movimentados cerca de três mil processos em todas as gerências, mas o trabalho de digitalização vai abranger tanto os processos ativos quanto os inativos, o que permitirá a longo prazo a extinção física deles.
 
O trabalho de digitalização, que está sendo realizado por uma equipe de 15 pessoas, iniciou na última semana e deve durar aproximadamente seis meses. Além disso, esse processo será integrado ao novo sistema de licenciamento, monitoramento e fiscalização, implantado pelo Ipaam durante o mês de junho deste ano, com o apoio da Universidade Federal de Lavras (Ufla).

 

PORTAL DO AMAZONAS.COM

REDAÇÃO- (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Check Also

Close
Close