Governo do Amazonas oferta telemedicina no Caic+, em parceria com Hospital Albert Einstein

Crianças e adolescentes do estado contarão com atendimentos em neuropediatria e psiquiatria pediátrica

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), está implantando, de forma inédita, o atendimento de telemedicina a pacientes do Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente (Caic+) Dra. Maria Helena Freitas de Goes, reinaugurado na última semana pelo governador Wilson Lima.

Com médicos especialistas da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein (SBIBHAE), a população terá atendimento virtual de duas novas especialidades médicas a partir desta quinta-feira (05/05). A novidade é uma das melhorias incluídas no projeto do Caic+, pelo governador Wilson Lima. Três Caics já foram reinaugurados no novo modelo.

Por meio da implantação do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS), o Caic+ ofertará, para toda a rede estadual, atendimentos em neuropediatria e psiquiatria pediátrica.

Segundo a secretária executiva de Assistência Especializada da SES-AM, Carla Lemos, a implantação do serviço atende uma demanda da rede por esses atendimentos especializados.

“A gente criou o Caic+ justamente para acolher essa demanda que é reprimida na rede. Então, a partir disso, a gente está ampliando a oferta de serviço, reduzindo tempo de espera, reduzindo transferências de municípios para cá, então a gente está melhorando e qualificando o serviço nessa modalidade”, afirmou a secretária.

FOTOS: Tácio Melo/Secom

Os atendimentos devem iniciar nesta quinta-feira e serão ofertados para crianças e adolescentes por meio do Sistema de Regulação do Estado, o Sisreg. Cada paciente terá cerca de 30 minutos com o médico especialista, acompanhado de um pediatra clínico, que fará a mediação da consulta junto ao responsável pela criança ou adolescente.

“A gente vai ter um treinamento desses médicos [pediatras] que a gente tem aqui dentro do Caic, pelo Hospital Albert Einstein, e a partir desse treinamento esses profissionais vão estar habilitados a fazer esse tipo de matriciamento nas consultas junto ao Hospital Albert Einstein, conforme a necessidade de cada criança”, explicou a secretária.

“Ele não recebe só o tratamento do especialista, mas se a criança precisar de um dentista, de um psicólogo, a unidade tem para oferecer. Então é algo assim que é uma esperança que está sendo suprida dos pais, das crianças, por conta de todo esse atendimento que a gente tem para oferecer”, enfatizou Jéssica Silva, diretora do Caic+ Dra. Maria Helena Freitas de Goes.

As reformas dos Caics são fruto da parceria entre a SES-AM, o Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS) e a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra), que executou os trabalhos.

Atualmente, o Amazonas possui 32 pontos de atendimento por telemedicina, espalhados por unidades de saúde na capital e no interior. Destes, nove pontos foram sugeridos pela SES-AM, incluindo o Caic+ Dra. Maria Helena Freitas de Goes.

Ao todo, o estado conta com sete especialidades: endocrinologia, neurologia, neurologia pediátrica, pneumologia, cardiologia, psiquiatria e reumatologia.

Em todo o período em que o projeto se encontra disponível no Amazonas, foram realizados 7.562 agendamentos e 5.561 teleinterconsultas finalizadas no estado.

Related Articles

Check Also

Close
Close