Governo do Amazonas anuncia Campo do Santos Dumont como novo núcleo do Pelci

Com novo espaço, projeto que visa fomentar esporte de base na capital e no interior chega ao seu 16º núcleo em Manaus

Como incentivo ao esporte de base, o Governo do Amazonas, por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), anunciou o Campo do Santos Dumont como novo núcleo do Projeto Esporte Lazer na Capital e Interior (Pelci). O evento que aconteceu na quinta-feira (30/06), contemplou os moradores do bairro localizados na zona centro-oeste da capital.

“Precisamos destacar que esses projetos socioesportivos fortalecem a segurança pública, porque cada atleta que estiver aqui, se esforçando, estará longe da criminalidade, além de ter a chance de se tornar um atleta profissional com o tempo”, afirmou Jorge Oliveira, diretor-presidente da Faar.

FOTOS: Rudson Renan/Faar

Com a entrega de materiais esportivos, a iniciativa abraça o projeto Escolinha do Campo Santos Dumont, que conta com 150 crianças e jovens, nas modalidades de futebol de campo, voleibol e futevôlei, destaque para 35 com mulheres que praticam futebol de campo

“Esse projeto veio em uma boa hora para potencializar aquilo que já fazíamos aqui. Estaremos de portas abertas para as crianças e jovens da comunidade que desejam fazer uma atividade esportiva no nosso campo”, disse Lincoln Ferreira, líder comunitário do Santos Dumont.

As aulas acontecem nas segundas e quartas-feiras, com turmas no turno matutino e vespertino. O morador do Santos Dumont, Ederson Souza, que tem um filho inserido na modalidade de futebol de campo, aproveitou a oportunidade para agradecer o trabalho desenvolvido na comunidade.

“Quero agradecer o projeto da Faar para a nossa comunidade, pela importância do trabalho para tirar nossas crianças da criminalidade, pois quem pratica esporte está longe das coisas erradas do mundo. Isso é fundamental para a nossa comunidade”, disse Ederson.

Núcleos

Com o campo do Santos Dumont, o Pelci chega ao seu 16º núcleo na capital amazonense. Já foram anunciados: CDC da Compensa; Arena Amadeu Teixeira; Vila Olímpica; Solon de Lucena/Renné Monteiro; Campo do Teixeirão; Campo do Passarinho; Campo do Buracão; Arena do Monte; Campo do Prosamim do Santo Agostinho; Campo do Curió; Campo do Teixeirão; Baixada Fluminense; Campo do Cophasa; Campo do Petrópolis; e Quadra do Crespo.

No interior, o Pelci tem cinco polos, que contemplam mais de 2 mil alunos no esporte de base, são eles: São Gabriel da Cachoeira; Envira; Humaitá; Tabatinga e Codajás. Ao todo, contando capital e interior, o Pelci conta com mais de 7 mil atletas mirins matriculados.

Machado Edson

REDAÇÃO PORTALDOAMAZONAS.COM (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Check Also

Close
Close