Faculdade Martha Falcão | Wyden inicia aulas remotas nesta quarta-feira (25)

 

Inicia nesta quarta-feira, 25.03, as aulas remotas para os acadêmicos de 27 cursos de graduação e 15 de pós-graduação da faculdade Martha Falcão | Wyden. O grupo Adtalem Educacional do Brasil, responsável pelas faculdades Wyden, adotou a ferramenta Zoom para oferecer aulas interativas com os professores, ao vivo.

A medida foi tomada e ajustada na última semana semana, logo após a suspensão das aulas presenciais, desde o dia 17.03, em função da pandemia de Coronavírus (COVID-19) e em  atendimento às recomendações do Ministério da Educação (MEC).

Cada professor tem uma sala no Zoom, onde não é necessário ter uma conta para acessar as aulas. Ele ministrará as aulas no mesmo horário e dia que aconteceria no formato presencial.  O link da sala, bem como o horário de início são disponibilizados na plataforma Integrees, rede colaborativa de dados acadêmicos já utilizados pelos alunos Wyden.

O Zoom funciona em computador, notebook, tablet ou smartphone e também via web através de qualquer navegador, com alto-falante ou fones de ouvido, com microfone para interação.  

De acordo com o diretor-geral da faculdade, Luiz Patrício Barbosa Jr, os materiais das aulas continuarão a ser disponibilizados normalmente pelo Integrees, criada com a proposta de fomentar o compartilhamento do saber e o networking, mas terão também o suporte da aula expositiva do professor, a fim de não prejudicar o ano letivo.

“Tivemos uma adaptação, sem perda da qualidade, que é o nosso valor humano, o nosso corpo docente, privilegiando um ambiente virtual de interação para que nossos alunos continuem a desenvolver o conhecimento sem prejuízo do período programado”, afirmou Barbosa Jr.  

Na última semana, professores e coordenadores da instituição passaram por treinamento online, com monitoria e auxílio para adaptação ao novo formato. Um manual de orientação de uso e melhor aproveitamento da plataforma também foi enviado aos alunos nos últimos dias, que contam ainda com suporte on line para dúvidas e questionamentos.

Ferramenta aprovada

Adepta da interação com os acadêmicos por meio das redes sociais digitais, a professora dos cursos de Comunicação e de Design, Carla Batista, já testou a ferramenta junto com os alunos e aprovou a nova modalidade. “Se assemelha a outras plataformas de reunião on line, mas com recursos próprios para aulas. Nossos alunos estão bem conscientes das aulas remotas e bem curiosos. Acredito que vai ser bem legal esse compartilhamento de conhecimento através do Zomm”, afirmou. A primeira experiência, ela classificou como proveitosa e interativa.

A professora ressaltou ainda que, por conta do distanciamento e isolamento social, acredita que as aulas precisam ir além e pensar o aluno não apenas a partir do ensinamento do conteúdo, mas como ser humano. “Não se trata de mais uma aula a distância que poderia acontecer em qualquer tempo. É uma aula que precisa ser mais humanizada. Ultimamente, tenho feito isso, investido no diálogo. Antes de começar a aula de fato e efeito, pergunto aos alunos como estão se sentindo em relação a essa situação, se estão cansados, se estão vendo o BBB… Eles se abrem e adoram falar sobre”, completou.

Carla Batista afirma ainda que o excesso de informação pode causar medo e um certo pânico e, por isso, os professores acabam absorvendo esse papel de acalmá-los neste momento. “Penso que o mundo está mais voltado para as redes sociais. Então, uso esse espaço para interação, diálogo e para dinamizar o conteúdo das aulas, usando quiz, hashtag no cumprimento das atividades, por exemplo. É um desafio animador”, afirmou.

PORTAL DO AMAZONAS.COM

Redação (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/
Close