Em 2021, ‘Alerta Mulher’ atendeu 340 mulheres vítimas de violência doméstica no Amazonas

Ferramenta faz parte do projeto Nova Rede Mulher da Sejusc, disponibilizado pelo Governo do Estado

 

A Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), por meio da Secretaria Executiva de Políticas para Mulheres (SEPM), atendeu, entre janeiro e dezembro de 2021, por meio do aplicativo “Alerta Mulher”, 340 mulheres vítimas de violência doméstica. A iniciativa é realizada em parceria com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), por meio do Departamento de Tecnologia da Secretaria Executiva Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada de Segurança (Seagi).

A ferramenta, que faz parte dos serviços de proteção da Nova Rede Mulher disponibilizados pelo Governo do Amazonas, funciona por meio de um aplicativo on-line. A vítima precisa ter um telefone celular Android e, quando estiver em situação de violência, pode acionar o botão e enviar uma mensagem, áudio e automaticamente chega no setor do “Alerta Mulher”. A partir disso, é enviada uma viatura que consegue localizar a vítima pelo sistema de rastreamento do aparelho (GPS).

A secretária titular da Sejusc, Mirtes Salles, disse que o projeto do Governo do Amazonas é mais uma ferramenta para ajudar as mulheres em situação de violência em casa. Além disso, reforça a rede de proteção estadual.

“Essa iniciativa reforça ainda mais o cuidado e atenção que o governador Wilson Lima tem com as mulheres do Amazonas. E o objetivo é trabalhar diariamente para melhor atender políticas públicas voltadas para esse público”, disse a gestora.

De acordo com a gerente do projeto Nova Rede Mulher, Gisele Postal, o “Alerta Mulher” é um mecanismo de suma importância no combate ao enfrentamento à violência contra a mulher.

“O protocolo de atendimento às mulheres se dá através dos Serviços de Apoio Emergencial à Mulher (Sapem), a mulher precisa ter registro de Boletim de Ocorrência (BO) e, a partir desse cadastro, ela é acompanhada pela rede especializada de atendimento”, pontuou Gisele.

Para reforçar a rede de proteção, no ano passado o Governo do Amazonas inaugurou na capital três unidades do Sapem, que funcionam nos anexos das delegacias.

PORTAL DO AMAZONAS.COM

REDAÇÃO- (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Check Also

Close
Close