Deputada sugere suspensão dos descontos dos empréstimos consignados para servidores públicos estaduais

 

Minimizar os impactos causados pela pandemia do novo coronavírus nos trabalhadores do Amazonas. Com este intuito, a deputada estadual Dra. Mayara Pinheiro Reis (PP) apresentou um requerimento em caráter de urgência, ao Governo do Amazonas, solicitando a suspensão, por 60 dias, dos descontos das parcelas dos empréstimos consignados nos salários dos servidores públicos estaduais, aposentados e pensionistas.

O requerimento foi deferido pela Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), nesta quinta-feira, dia 2.

De acordo com a parlamentar, o atual cenário vivido tem causado diversos impactos negativos como a paralisação das atividades produtivas, queda de demanda e de investimentos e retração no comércio mundial e nas exportações.

Um estudo desenvolvido por pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais
Domingues e Aline Magalhães, da Universidade Federal de Minas Gerais
(UFMG) reforça a linha de pensamento da parlamentar. Em um cenário projetado de queda de 0,14% do PIB e de 0,1% no nível de emprego, a análise conclui que as famílias com renda entre 0 e 2 salários mínimos, podem ter sua renda 20% mais impactada do que a média das famílias brasileiras.


“Por isso, essa proposta vem no sentido de diminuir os danos causados às famílias, suspendendo o desconto em folha das parcelas por 60 dias, período no qual a situação dessas pessoas esteja mais consolidada. Ou seja, a medida, protege nosso trabalhador, aposentado e pensionista, além de conceder um pouco mais de segurança nesse momento”, concluiu.

É importante ressaltar que a proposta, apresentada em forma de indicação ao Governo, não incluí o perdão da dívida, e sim a suspensão temporária por tempo determinado, até esta situação mais agravante terminar.

Comissão de Saúde

Enquanto presidente da Comissão de Saúde e Previdência da Aleam, Mayara Pinheiro tem recebido muitas denúncias, acompanhando e trabalhando junto ao Governo, com propostas para diminuir os riscos da doença.

“Desde o início, participo das reuniões de contingência e apresentado ideias para contribuir com esse momento. Por exemplo, o requerimento da compra dos testes rápidos de contaminação para o coronavírus. Estamos também verificando a questão no Delphina Aziz, sobre o aumento da capacidade de atendimento e dos equipamentos necessários como respiradores”, destacou

PORTAL DO AMAZONAS.COM

Redação (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/
Close