David Almeida recebe prêmios por excelência na gestão previdenciária e anuncia convênio de adesão da previdência complementar

O prefeito de Manaus, David Almeida, assinou, nesta terça-feira, 7/12, o Regime de Previdência Complementar (RPC) com a Fundação Viva de Previdência, vencedora da seleção pública que vai administrar a previdência complementar dos servidores públicos municipais. O ato aconteceu no Casarão da Inovação Cassina, Centro. Na ocasião, o chefe do Executivo municipal também recebeu prêmios por excelência na administração pública entregues pela Associação Brasileira de Instituições de Previdência (Abipem) e a Associação Nacional de Entidades de Previdência dos Estados e Municípios (Aneprem).

“O protagonismo todo é da equipe da Manausprev. Manaus tem uma posição diferenciada em relação a sua previdência e nós estamos bem comandados, bem gerenciados, bem conduzidos. É motivo de satisfação poder transmitir e compartilhar essas informações e apresentar esses prêmios, bem como a adesão à nova previdência complementar que acabamos de assinar. Certamente Manaus tem uma condição diferenciada em termos de Brasil com relação a sua previdência”, enfatizou Almeida.

Fotos – Ruan Souza e Marcely Gomes / Semcom

O RPC foi criado pela lei municipal n° 2.759/2021, sancionada pelo prefeito em 15 de julho deste ano. O trabalho técnico foi conduzido pela diretora-presidente da Manaus Previdência, Daniela Benayon, que é presidente da Comissão de Estudos do Regime de Previdência Complementar (CERPC).

Para ela, Manaus segue sendo referência para o restante do país em relação a gestão com mais esse passo que beneficia seus servidores.

“Instituímos a nossa previdência complementar em julho, por meio de lei. Agora finalizamos o processo de seleção no qual a Fundação Viva foi a escolhida. O próximo passo depois da assinatura do convênio é a aprovação de toda a documentação junto a Previc, que é a autarquia que faz a fiscalização das entidades de previdência complementar. Manaus segue sendo referência, não só na gestão do regime próprio como também agora no processo de seleção da previdência complementar”, afirmou a diretora.

Reconhecimento

Durante o ato de assinatura, Daniela Benayon realizou a entrega de seis prêmios entregues à Prefeitura de Manaus pela Abipem e Aneprem.

Coloque

Pela Abipem, a capital do Amazonas levou o 1º lugar no prêmio Destaque Brasil de Investimentos; e o 1º lugar no prêmio Destaque de Responsabilidade Previdenciária.

Já pela Aneprem, Manaus recebeu o 1º lugar entre estados e capitais o prêmio de Boas Práticas de Gestão Previdenciária, categoria que premia todo o esforço de gestão da instituição; o 2º lugar geral entre os “melhores projetos” do ano, pelo Projeto Acolher;  o 1⁰ lugar na “Categoria Segurados”; e o 2º lugar na Categoria “Transformação Digital, com o Sistema de Agendamento Eletrônico (Sagem).

“A Manaus Previdência desde o início da pandemia até meados deste ano, retirou de folha de pagamento quase 500 segurados. Então, nós tivemos um impacto muito grande. A pandemia nos fez perder muitos. Não foi um ano fácil e nós precisamos dar conta de todas as demandas por meios virtuais, mas não deixamos de cumprir as nossas metas e os prêmios vêm para consolidar os nossos resultados. Em outubro, mantivemos a nossa certificação no Pró-Gestão nível quatro. Somos a única capital do Brasil que tem essa certificação no nível mais avançado que é concedido pela Secretaria de Previdência”, concluiu.

Related Articles

Close