Constantino Nery terá inversão no fluxo de veículos na próxima segunda-feira, 9/12

O avanço na obra da Prefeitura de Manaus para criação do novo anel viário da avenida Constantino Nery – que já está com o cronograma de 55% dos serviços concluídos – irá alterar o trânsito, no trecho entre as ruas Pará e João Valério, a partir da próxima segunda-feira, 9/12, com a transferência do fluxo de veículos para a pista do sentido bairro/Centro. A mudança estará sinalizada com placas de orientação e será monitorada pelos agentes do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU).

A medida é necessária para o início da segunda etapa da construção do complexo viário Ministro Roberto Campos -agora, concentrando as frentes de obra na rua Pará-, que já recebeu 543 estacas de sustentação da passagem subterrânea. Segundo a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), com a mudança no fluxo será possível executar a escavação da trincheira e a confecção da laje do tabuleiro do cruzamento da avenida Constantino Nery com a Pará e João Valério.

A mudança de fluxo no tráfego não altera a circulação da via, pois os acessos para carros de passeio e ônibus do transporte coletivo estão mantidos no local. Com a inversão, o trânsito passará a estar liberado já em uma das novas pistas do anel viário.

“Seguindo a determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto, estamos com o nosso cronograma bem adiantado e, em seis meses, já conseguimos ultrapassar os 50% de execução. A meta é de que essa importante intervenção possa ser entregue no primeiro semestre de 2020, antes mesmo do prazo estipulado no contrato”, destacou o secretário da Seminf, Kelton Aguiar.

Além do começo da escavação das passagens subterrâneas, na primeira etapa da obra também foram concluídas a concretagem da laje de cobertura da plataforma central do transporte coletivo e a implantação de grande parte das estacas de sustentação, faltando apenas as da rua Pará, que serão iniciadas na nova etapa.

Close