Avanço da vacinação: setembro registra menor quantidade de casos e óbitos por Covid-19 no Amazonas

Governo do Amazonas já realizou 21 mutirões de vacinação, já aplicou 4 milhões de doses. “É a vacina que está reduzindo os óbitos e internações”, afirma secretário da SES-AM

Comparando dados registrados pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), o Amazonas registrou, em setembro, a menor quantidade de casos e mortes por Covid-19 desde março de 2020, mês de registro do primeiro caso da doença no estado. Autoridades de saúde do Governo do Estado reforçam a vacinação como o principal fator que provocou a queda nos indicadores.

Conforme dados da FVS-RCP, a progressão de casos de Covid-19 e óbitos iniciou em abril de 2020. Na ocasião, os registros apontaram 5.080 novos casos e 1.010 mortes, subindo no mês seguinte, com 36.123 novos casos e 1.508 óbitos. Os indicadores declinaram até agosto do ano passado, porém voltaram a aumentar, tendo o pico da doença em janeiro deste ano quando, somente em um mês, 66.381 casos foram registrados, resultando em 3.586 mortes.

Desde o início da campanha de vacinação no Amazonas, no dia 18 de janeiro deste ano, os indicadores seguem em queda constante. Em setembro, foram registrados 2.154 novos casos e 28 mortes pela Covid-19, números que para o secretário de Saúde do Amazonas, Anoar Samad, mostram que a vacinação é a melhor arma contra a doença.

“Ano passado, nessa época, não se falava tanto em variantes, em mutações e este ano já falamos demais disso e, mesmo assim, os casos reduziram. Casos confirmados, hospitalização e óbitos reduziram cerca de 90%. Qual é a variável que não tínhamos ano passado e temos este ano? A vacina. O Governo do Amazonas realizou, com esse mutirão de hoje, 21 mutirões de vacinação. Nós já aplicamos 4 milhões de doses, então, ninguém está inventando nada. É a vacina que está reduzindo os óbitos. É a vacina que está reduzindo os números de internações”, afirmou Anoar Samad.

A diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, também falou sobre a vacinação no combate à doença. Para ela, a população deve continuar buscando os postos de saúde e mantendo as doses em dia, além de seguir os protocolos de segurança como uso de máscara, distanciamento social e uso de álcool em gel.

“Então esse sucesso, essa diminuição de casos, de hospitalizações, é em decorrência simplesmente do avançar da vacinação no nosso estado. Nós estamos com a cobertura de 71% (primeira dose), de segunda dose em torno de 50% já. A turma tem que vacinar para manter esses números e assim vencer essa pandemia”, enfatizou Tatyana Amorim.

Vacinômetro – Dados parciais do Programa Nacional de Imunização (PNI) apontam que 4.052.308 doses foram aplicadas em todo o Estado até sexta-feira (1º/10), sendo 2.532.120 de primeira dose, 1.467.236 de segunda dose, 49.626 com dose única e 3.326 de dose de reforço (terceira dose). A informação está disponível no site da FVS-RCP – www.fvs.am.gov.br.

Coloque

As informações consolidadas pela FVS-RCP são das secretarias municipais de saúde, responsáveis pela operacionalização da imunização contra Covid-19 em suas cidades.

Vacina Amazonas – O Governo do Amazonas realiza, em parceria com a Prefeitura de Manaus, mais um mutirão Vacina Amazonas neste sábado (02/10). Em sua 21ª edição, o mutirão tem como principal objetivo aplicar doses de reforço da vacina contra a Covid-19 em profissionais de saúde a partir de 45 anos e pessoas a partir de 60 anos, que tomaram a segunda dose há mais de seis meses (ou até 1º de abril), e em imunossuprimidos com 18 anos ou mais.

Também serão disponibilizadas a primeira e a segunda doses para pessoas com 12 anos ou mais. Serão seis pontos estratégicos que funcionarão com horário estendido das 9h às 18h, deste sábado. Os postos das unidades básicas de saúde (UBS), da Prefeitura de Manaus, atenderão no horário das 9h às 16h.

Os pontos estratégicos que funcionarão em horário estendido são: Centro de Convivência da Família (CCF) Magdalena Arce Daou (pedestre), Centro de Convenções de Manaus-Sambódromo (drive-thru), CCF Padre Pedro Vignola (pedestre), Shopping Phelippe Daou (pedestre), Studio 5 Centro de Convenções (pedestre) e Sesi Clube do Trabalhador (pedestre e drive-thru).

O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) e da Fundação de Vigilância em Saúde Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), vai coordenar dois pontos estratégicos: o Sambódromo, onde haverá 26 postos de vacinação, e o CCF Magdalena Arce Daou, com 16 postos.

Coloque

Documentação – Para se vacinar, com segunda dose e dose de reforço, é necessário apresentar documento original com foto, CPF e carteira de vacinação. Para os imunossuprimidos, além dessa documentação, um laudo médico ou outro documento que comprove a condição.

Para quem vai receber a primeira dose, é necessário que o interessado apresente, obrigatoriamente, um documento oficial com foto com o número do RG, CPF, comprovante de residência (original e cópia) e Cartão de Vacina.

Postos de Vacinação que funcionarão em horário estendido

Dia 1º/10 – Sexta-feira – Das 9h às 21h

Dia 02/10 – Sábado – Das 9h às 18h

• Centro de Convivência da Família Magdalena Arce Daou (pedestre)

Avenida Brasil, s/nº, bairro Santo Antônio, zona oeste de Manaus

• Centro de Convenções Prof. Gilberto Mestrinho – Sambódromo de Manaus

Avenida Pedro Teixeira, 2.595, Dom Pedro, zona centro-oeste de Manaus

• Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignola (pedestre)

Rua Gandu, 119, bairro Cidade Nova, zona norte de Manaus

• Shopping Phelippe Daou (pedestre)

Avenida Camapuã, 2.985, bairro Jorge Teixeira, zona norte de Manaus

• Studio 5 Centro de Convenções (pedestre)

Avenida Rodrigo Otávio, 3.555, Distrito Industrial I, zona sul de Manaus

• Sesi Clube do Trabalhador (pedestre e drive-thru)

Avenida Cosme Ferreira, 7.399, São José, zona leste de Manaus

PORTAL DO AMAZONAS.COM

Redação (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Close