Artur Neto lança campanha contra a exploração e o abuso sexual de crianças e adolescentes

FOTOS: MÁRIO OLIVEIRA/SEMCOM
FOTOS: MÁRIO OLIVEIRA/SEMCOM

O prefeito de Manaus, Artur  Neto, e a primeira-dama e secretária municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Goreth Garcia, lançaram, na tarde deste domingo, 18, no Parque Cidade da Criança, no Aleixo, zona Centro-Sul, uma grande campanha envolvendo diversos órgãos para o combate à exploração e ao abuso sexual de crianças e adolescentes na cidade.

Com o mote: “O melhor de nós pelas crianças e adolescentes de Manaus” e frases como “Não desvie o olhar”, a 1ª Semana de Combate à Exploração e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes contará com uma intensa programação até o dia 24 de maio e tem, além do município, a participação de secretarias do Governo do Estado, organizações não governamentais (ONGs) e a sociedade civil.

Segundo o prefeito, a campanha chega às ruas de Manaus com o apoio de todas as secretarias municipais e visa espalhar mensagens para despertar nas pessoas a responsabilidade de cada um como vigilantes, estimulando denúncias e até mesmo uma mudança de comportamento.

“Eu não tenho a esperança de conscientizar quem é anormal, mas eu tenho a esperança de conscientizar aqueles que viam o abuso, mas não denunciavam por comodismo ou por medo. Elas precisam denunciar e denunciar com clareza. Não podem desviar o olhar, conforme diz a campanha”, diz Arthur Neto.

Para Goreth Garcia, a aproximação da Copa do Mundo e a criação do Comitê Pró-Copa irão reforçar as ações para os jovens em situação de risco, já realizadas pela Prefeitura de Manaus. “Independente da Copa do Mundo, a exploração sexual de crianças e adolescentes é um problema que nos afeta diretamente. Nós precisamos reforçar os nossos serviços até para melhor acolher essas vítimas, mas é claro que durante a Copa teremos um olhar mais apurado, porque teremos um grande fluxo de pessoas na nossa cidade e o Comitê Pró-Copa, que envolve a prefeitura e o Governo do Estado, irá somar esforços para garantir os direitos das crianças e adolescentes”, explicou.

Na marcha do ano passado, a Prefeitura de Manaus reuniu aproximadamente três mil pessoas, número que deve ser ultrapassado não só na marcha deste ano, como também nas outras ações programadas para o decorrer da semana.

Outra mobilização ocorrerá nesta segunda-feira, 19, a partir das 8h, com caminhada saindo do Largo do Mestre Chico até o Mercado Municipal Adolpho Lisboa e panfletagem.

Na terça-feira, 20, às 8h, a avenida Djalma Batista será palco de um bandeiraço, no cruzamento com a avenida Pará. No dia 21, haverá a Marcha de Enfrentamento à Violência e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes, às 8h, na rotatória do Produtor, na avenida Autaz Mirim, zona Leste de Manaus. A programação encerra-se no dia 24, sábado, às 8h, na praça central do bairro Mauazinho, zona Leste.

PORTAL DO AMAZONAS.COM

REDAÇÃO- (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/danielmanauara@portaldoamazonas.com

Related Articles

Check Also

Close
Close