“A internet deu voz aos imbecis. Hoje, todo mundo é especialista” diz Alexandre de Moraes

Para o ministro a verdadeira tradução de fake news não é notícias falsas, é noticias fraudulentas, porque tem toda uma produção de conteúdo falso.

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), fez duras críticas em palestra realizada  neste sábado (14) durante Congresso organizado pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) em Salvador (BA), aos ataques sofridos pelo Judiciário e pela democracia por grupos  que o ministro chama de “milícias digitais”.

Durante o discurso Alexandre de Moraes usou citações do filósofo italiano Humberto Eco em suas críticas: “A internet deu voz aos imbecis” para o ministro do STF, “Hoje, todo mundo é especialista. A pessoa coloca terno, gravata, um painel falso de livros atrás e começa a falar… desde guerra na Ucrânia até (sobre) gasolina, passando pelo Judiciário, e acaba sempre atacando o Supremo. Coloca uma legenda de ‘professor’ e se vende como especialista”, declarou o ministro.

Moraes é relator e conduz os inquéritos sobre Fake News no Supremo Tribunal Federal (STF) que tratam da organização de grupos antidemocráticos organizados e da propagação organizada de fake news, ele afirmou que a justiça não pode e não vai se acovardar aos ataques da milícias digitais, que não são desordenados, mas sim “construídos pelos movimentos populistas”, e reforça que se houver repetição do que foi feito no pleito de 2018, o registro será cassado.

“A democratização da informação veio exatamente a partir das plataformas. Quando os movimentos populistas perceberam isso, o que fizeram? Começaram a se apoderar das plataformas”, disse. “A verdadeira tradução de fake news não é notícias falsas, é noticias fraudulentas, porque tem toda uma produção de conteúdo falso. Só que tem o mesmo ou mais acesso que a mídia tradicional e desacredita a mídia tradicional” disse.

De acordo  com o  ministro esses grupos tem toda uma produção de conteúdo falso, com o mesmo ou mais acesso que a mídia tradicional, e desacredita a mídia nacional, que é um dos três sustentáculos da democracia.

 

Tags

Related Articles

Check Also

Close
Close