Pacto do CNJ pela primeira infância receberá apoio da Aleam, garante Josué Neto

O evento acontecerá nos dias 19 e 20 de setembro, na Escola Superior de Magistratura do Amazonas, prédio anexo ao Tribunal de Justiça, fazendo parte do projeto “Justiça Começa na Infância: fortalecendo a atuação do sistema de justiça na promoção de direitos para o desenvolvimento humano integral”, coordenado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), com apoio do Fundo dos Direitos Difusos do Ministério da Justiça e Segurança Pública (CFDD). As inscrições podem ser feitas até o dia 13.

Feliz ao aceitar o convite, Josué Neto parabenizou a iniciativa de realizar o evento no Amazonas, se colocando à disposição para assinar o pacto que firmará o compromisso de entes federais, estaduais e municipais na luta pela defesa das crianças e adolescentes.

“Estou feliz em receber esse convite. Sou apaixonado pelas crianças, entendo que devemos cuidar e proteger a primeira infância para que tenhamos uma sociedade melhor no futuro”, destacou Josué, que foi o responsável por moldar a atual estrutura da Comissão de Promoção e Defesa dos Direitos das Crianças, Adolescentes e Jovens da Aleam (CJCA-Aleam), que presidiu durante quatro anos.

Para a juíza Rebeca de Mendonça Lima, a receptividade da Casa Legislativa às ações em favor das crianças e adolescentes no Amazonas é fundamental para subsidiar o trabalho de toda a rede de apoio a este público no Estado. “Precisamos dessa soma de esforços. O Amazonas é um dos Estados com os mais altos índices de crimes relacionados às crianças. Proteger a primeira infância é essencial. Não conseguiremos isso, se não tivermos o compromisso de todos”, comentou Rebeca de Mendonça Lima, responsável por sensibilizar o CNJ na escolha de Manaus como sede do evento.

O deputado Álvaro Campelo (Progressistas), que é presidente da CJCA-Aleam, lembrou que os ataques às crianças, jovens e adolescentes não é um problema exclusivo da Capital, e que no Interior eles acontecem de maneira diária, passando até despercebidos junto à sociedade.

“Ciente dessa problemática, tenho levado a Comissão aos mais diversos municípios. Nos últimos dias fui à Lábrea, Manicoré, Tefé, Manacapuru, além de estar constantemente pelos bairros de Manaus, principalmente nesses dias de festividades pelas cidades. Esse encontro vem em ótimo momento, vai dar ainda mais força e efetividade à Rede de Proteção”, ressaltou Álvaro Campelo. Também participaram da reunião com a juíza, os deputados Sinésio Campos (PT) e Cabo Maciel (PR).

 

Close