Jhonatha Cruz Ventura, um dos três atletas feridos que sobrevieram ao incêndio que aconteceu na última sexta-feira, 8 de fevereiro, segue em estado grave. O jovem de 15 anos teve cerca de 30% do corpo queimado e inalou muita fumaça durante o acidente, segundo informou o boletim médico divulgado na manhã deste sábado.

Internado no hospital municipal Pedro II, o adolescente passou as últimas 24 horas sem intercorrências e alterações laboratoriais significativas. Ainda no centro de tratamento intensivo (CTI), ele está estável hemodinamicamente e sedado.

Ainda sem previsão de alta, Jonathan está sob os cuidados da equipe especializada do Centro de Tratamentos de Queimados e também está sendo acompanhando pelos médicos do Flamengo, doutor Luiz Baldi e doutor Gustavo Dutra.

Já Cauan Emanuel e Francisco Dyogo, os outros dois atletas feridos, seguem em situação estável no Hospital Vitória. Após uma noite sem complicações e se alimentando normalmente, os jovens permanecem no CTI, recebendo medicações e suporte para respiração com máscara de oxigênio. Márcio Tannure, chefe Departamento Médico do Flamengo, acompanha a evolução do quadro no hospital.

COMPARTILHAR