Polícia prende 37 pessoas durante operação “Solimões sem Fronteira 2”

A Operação “Solimões Sem Fronteiras 2”, deflagrada pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), na manhã desta terça-feira (29/09), prendeu 37 pessoas ligadas ao tráfico de drogas e que atuavam na venda e transporte de entorpecentes a partir de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus). A operação integrada entre as Polícias Civil e Militar teve o intuito de combater o narcotráfico em seis cidades do Amazonas e em Fortaleza, no Ceará.

Das 37 prisões efetuadas hoje, três foram em flagrante. A maior parte ocorreu em Manacapuru, com 25 presos no total. Em Manaus, foram cumpridos seis mandados de prisão referentes a detentos do sistema prisional também com envolvimento no esquema. Infratores foram presos em Anamã, Caapiranga e no Distrito de Cacau Pirêra, em Iranduba. Em Tefé, foram duas prisões.

O apontado como cabeça do um grupo criminoso, foi preso pela manhã, ele fugiu de Manacapuru há cerca de 20 dias, segundo as investigações.

O secretário de Segurança Pública, coronel Louismar Bonates, destaca a atenção ao combate à criminalidade no interior do estado, determinada pelo governador Wilson Lima. “É a determinação do nosso governador intensificar as operações em todo o estado para combater a criminalidade. Hoje, conseguimos desarticular esse bando criminoso, com prisões em seis municípios, inclusive fora do Amazonas, na cidade de Fortaleza, no Ceará. Foi mais um golpe no crime”, enfatizou.

Desdobramentos – Esta é a segunda fase da operação, que ocorreu, simultaneamente, em Manaus, Manacapuru, Anamã, Caapiranga, Tefé, Iranduba e Fortaleza. Mais de 300 policiais militares e civis cumpriram os 48 mandados judiciais de prisão, busca e apreensão, desde as primeiras horas da manhã.

Foto:Erlon Rodrigues / PC-AM

Durante as buscas também foram localizadas cinco armas de fogo em posse dos suspeitos. Os policiais ainda apreenderam R$ 48 mil em espécie ligados ao tráfico de drogas.

“Foi uma operação grandiosa e isso representa um baque para o grupo de narcotraficantes. É importante ressaltar que essa operação ainda está em curso. A investigação vem ocorrendo há cerca de sete meses, para desarticular essa organização criminosa”, disse a delegada-geral da Polícia Civil, Emília Ferraz.

Grupo criminoso – O objetivo da operação era desarticular uma organização criminosa que atuava no tráfico de drogas, em Manacapuru, com conexões em outros cinco municípios. Esse grupo transportava drogas pela calha do Japurá e do Solimões.

A droga vinha de Japurá, Maraã e passava por Manacapuru, onde também havia distribuição para o tráfico doméstico. Os presos eram ligados a uma facção criminosa e pertencia a seis subgrupos distintos dentro da organização.

O subcomandante da Polícia Militar, coronel Ronaldo Negreiros, destacou a integração entre as unidades do sistema de Segurança e lembrou que, na semana passada, uma operação, em Tefé, terminou com 25 prisões.

“Um trabalho extremamente importante por essa proximidade entre Polícia Civil, Polícia Militar e Detran (Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas). Estamos felizes pelas nossas ações. Isso leva à sociedade de Manacapuru mais tranquilidade e segurança e também dá um sinal ao crime de que a calha do Solimões não é uma avenida do crime”, disse Negreiros.

As investigações tiveram a condução do Departamento de Polícia do Interior, da Polícia Civil, comandada pelo Delegado Bruno Fraga, e da Delegacia de Manacapuru, que tem o delegado Rodrigo Torres como titular.

Homicidas presos – Durante a operação, dois suspeitos foram presos pelo homicídio de um homem identificado como Francisco Célio, de 31 anos. O crime ocorreu no dia 21, em um bar, no Centro de Manacapuru.

Realizada em dezembro do ano passado, a primeira fase da operação Solimões Sem Fronteiras resultou em 25 prisões, naquela ocasião, efetuadas em Manacapuru, Manaus e Anori. Foram apreendidos três carros, três motocicletas, 600 gramas de produtos entorpecentes, dez celulares, duas armas de fogo e R$ 20 mil em espécie.

PORTAL DO AMAZONAS.COM

Redação (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/
Close