Morre Zezinho Corrêa um dos maiores ícones da arte e da cultura do Amazonas

Zezinho Corrêa (69) estava internado desde o dia 04 de janeiro no Hospital Samel após contrair a Covid-19, após muita luta o cantor faleceu na madrugada de sábado (6), após complicações da Covid-19.

José Maria Nunes Corrêa, natural da comunidade de Imperatriz, em Carauari, ficou conhecido nacionalmente e internacionalmente após o sucesso “Tic Tic Tac”, na década de 1990, quando liderava a banda Carrapicho.

Antes de se dedicar à carreira de cantor, Zezinho também fez curso de formação de atores, no Rio de Janeiro, e estudou interpretação e dança. Como ator, Zezinho Corrêa fez parte do Grupo de Teatro Experimental do Sesc.

Zezinho também investiu em carreira solo, produzindo projetos musicais. Entre os destaques estão a sua participação no musical “Boi de Pano”, durante o Festival Amazonas de Ópera de 2000; a gravação do seu CD solo no ano de 2001, no Teatro Amazonas e a participação no musical de Natal “Ceci e a Estrela”, em 2017.

Corrêa levou a cultura do Amazonas para o Brasil como Vocalista da Banda Carrapicho na década de 90, e o sucesso do “Tic Tic Tac”, explodiu no mundo em 1996. O grupo chegou a vender mais de 15 milhões de discos, com enorme destaque na França.

Em 2020, Zezinho estrelou campanha do Governo do Estado em homenagem aos profissionais de saúde, que atuaram na linha de frente do combate à pandemia de Covid-19, interpretando a música “Um Novo Tempo”, de Ivan Lins, no palco do Teatro Amazonas.

No dia 21 de dezembro de 2020, o cantor subiu ao palco do Teatro Manauara com o show “Banho de Frevo – Zezinho Corrêa canta Elba Ramalho”; e no dia 28 de dezembro, o cantor participou do lançamento online do livro “Eu Quero é Tic, Tic, Tac”, escrito pelo jornalista e produtor cultural Fabrício Nunes em homenagem à carreira de Zezinho. O lançamento foi transmitido do Centro Cultural Palácio Rio Negro.

A família do cantor agradeceu o apoio dos fãs. “O céu ganhou mais uma estrela que, com sua luz, brilhará para a eternidade. Obrigada por levar o nome do Amazonas para o mundo, por ser esse ser humano incrível em todos os sentidos. Você já está fazendo muita falta na nossa família, daqui vamos continuar te amando sempre. Hoje a batida do tambor se calou”.

 

PORTAL DO AMAZONAS.COM

Redação (92) 3877-4539 contato@portaldoamazonas.com / socorromaia@portaldoamazonas.com/
Close