Indivíduo é indiciado por desviar merenda escolar indígena e por furtar embarcação, em Barcelos

Na tarde de quarta-feira (29/04), policiais civis lotados na 75ª Delegacia de Polícia do município de Barcelos, indiciaram um homem, identificado como Eguimar Palheta Cruz, 35, por estelionato e furto. O indivíduo estava sendo investigado por desviar merenda escolar destinada a uma unidade escolar indígena, situada no município de Santa Izabel do Rio Negro, além de furtar e se apropriar indevidamente de uma voadeira.
A investigação em torno do caso foi coordenada pelos delegados Bruno Fraga, diretor do Departamento de Polícia do Interior (DPI), Roger Makimoto e Aldiney Brito, titulares, respectivamente, da 75ª DIP de Barcelos e 76ª DIP de Santa Izabel do Rio Negro.
 
Conforme Makimoto, no último dia 20 de abril, o indivíduo desviou três caixas de charques, quatro fardos de arroz, três fardos de açúcar, cerca de 10 caixas de biscoitos, destinados a merenda escolar da Escola Estadual Indígena Sagrada Família, localizada no rio Marauiá, Em Santa Izabel do Rio Negro (distante 630 quilômetros em linha reta da capital.
 
“O indivíduo em posse dos materiais desviados, vendeu para um comerciante de Santa Izabel do Rio Negro, pelo valor de R$ 2,3 mil, alegando que a mercadoria possuía nota fiscal e voltaria no estabelecimento para entregar o documento para o dono do lugar. Após a venda, ele alugou um bote, tipo voadeira, alegando que iria para Barcelos e entregaria a embarcação no dia seguinte, entretanto não devolveu mais o bote para o proprietário”, explicou Makimoto.
Makimoto destacou que as equipes da 75ª DIP foram acionadas pelo delegado titular da 76ª DIP, relatando que Eguimar teria fugido para Barcelos. Para Roger Makimoto, a intenção de Eguimar era ir para Barcelos e de lá fugir para Manaus, mas não conseguiu por conta da proibição de viagens, estabelecido pelo Governo do Estado, devido ao risco de contágio do novo coronavírus.
Procedimentos – Eguimar foi indiciado por estelionato e furto. Makimoto explicou que os procedimentos foram encaminhados à Justiça.
Close