Fábrica do Papai Noel encerra as atividades no Palácio da Justiça

Espaço recebeu mais de 11 mil pessoas

A Fábrica do Papai Noel encerrou as atividades no Centro Cultural Palácio da Justiça, ontem (23/12), e registrou a visita de mais de 11 mil pessoas em 24 dias. A programação fez parte da campanha “O Mundo Encantado do Natal – Onde a magia é feita de alegria”.

Segundo o secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, o espaço recebeu, em média, 458 pessoas por dia, divididas em 16 sessões, entre 17h e 21h. Apolo explicou ainda que cada horário contou com uma média de 28 visitantes.

“Para nós, é gratificante proporcionar esse momento especial para o público, que abraçou um projeto e trouxe a família para participar”, declarou o titular da pasta.

Roteiro – Na visita ao espaço, as crianças conheceram diversos setores onde os brinquedos são fabricados, sala de costura da Mamãe Noel e se tornaram ajudantes do Papai Noel.

“Foi muito lindo e mágico levar meus filhos para A Fábrica do Papai Noel. Conseguiram juntar regionalismo, quando o guardião do tempo fala sobre o Largo, com a mágica do Natal”, afirmou Anaeliza Escobar. “Meus filhos ficaram encantados e foi um momento especial para toda família”, frisou.

Tânia Freitas também levou a filha e destacou que a proposta traz um Natal que mostra a importância do tempo, do amor e da paz. “Uma experiência incrível para os pequenos e uma viagem no tempo, literalmente, para os adultos. A temática lúdica permite para as crianças uma interação constante, criando lembranças e memórias”, comentou.

Maria Helena Mandel Dantas, de sete anos, contou que ser ajudante do Papai Noel, com direito a crachá personalizado, foi muito divertido. “O que eu mais gostei foi arrumar os tecidos na fábrica de roupas da Mamãe Noel, mas também ajudamos a ler as cartinhas e ainda fui a guardiã do tempo. Gostei de tudo, foi muito legal, tinha até crachá com foto e tudo”, disse.

Campanha – “O Mundo Encantado do Natal – Onde a magia é feita de alegria” é uma programação realizada pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, em parceria com o Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS) e a Agência Amazonense de Desenvolvimento Cultural (AADC).

A iniciativa contou ainda com o apoio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), Secretaria Executiva do Trabalho e Empreendedorismo (Setemp), TV Encontro das Águas e Imprensa Oficial do Estado do Amazonas (IOA).

Neste ano, a programação se estendeu a apresentações no Teatro da Instalação, além de Centros de Educação de Tempo Integral (Cetis), bairros, parques de Manaus, centros de convivência e, também, em municípios do estado.

Related Articles

Check Also

Close
Close