FOTO: BRUNO ZANARDO/SECOM
A Operação Jejuardes, da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), fechou três bares e uma casa noturna em Manaus na noite de sábado (03/03) e madrugada de domingo (04/03). Realizada nos bairros de Educandos, Morro da Liberdade, Betânia, Colônia Oliveira Machado e Centro, na zona sul, a ação fiscalizou as condições de segurança dos empreendimentos e fez revista em populares em diversos pontos.
Ação integrada entre a Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, a Operação Jejuardes é coordenada pelo vice-governador e secretário de Segurança, Bosco Saraiva, e seguirá na capital até a Páscoa. “Estamos na rua fazendo mais uma etapa de varredura na cidade de Manaus. É uma ação de segurança pública que alcança toda a capital para proteção das pessoas”, disse.
Os bares fechados pelo Corpo de Bombeiros têm irregularidades como a ausência de extintores, extintores vencidos ou obstruídos e falta de sistema fixo de combate à incêndio. Na rua 10 de julho, Centro, ao lado do Teatro Amazonas, uma casa noturna foi fechada. O estabelecimento não tinha licença, sinalização de emergência, rota de fuga e saída de emergência, sistema de iluminação de emergência, entre outras irregularidades que colocam em risco a população.
Além da fiscalização dos estabelecimentos, policiais também fazem abordagens e coletam informações sobre a segurança da região. “Na região dos bares juntam-se os indesejáveis, que esperam uma oportunidade para furtar ou fazer alguma investida. Então esse é o local que nós vamos também. A segurança toda está na rua, em toda a cidade, para que a população tenha tranquilidade”, disse o delegado-geral da Polícia Civil, Mariolino Brito.
Além da operação Jejuardes, a Polícia Militar colocou efetivo extra nas ruas para operações de saturação, ressaltou o comandante-geral da PM, coronel David Brandão. “Hoje estamos com nosso efetivo nessa operação, fora o nosso efetivo de trabalho extra em toda a capital e também de cada Companhia Interativa Comunitária, fazendo essas abordagens aos veículos para dar maior segurança a população”, destacou Brandão.
COMPARTILHAR