Até a próxima sexta-feira, 6/10, mais de 150 mil alunos do Ensino Fundamental e Educação Infantil participarão de uma série de atividades de incentivo à leitura, nas escolas municipais ou Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis). As ações serão realizadas por meio de momentos lúdicos e adaptados, conforme a modalidade de ensino e idade dos alunos.  As atividades fazem parte da Semana do Livro Infantil, criada pela Lei Municipal nº 1.012 de junho de 2006, que começou nesta segunda-feira, 2/10.

alunos
Foto: Cleomir Santos/ Semed

Segundo a coordenadora do Programa de Apoio as Bibliotecas Escolares da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Loana Portella, a Semana Municipal do Livro Infantil, além de cumprir uma determinação legal, busca intensificar as ações que a Prefeitura vem disseminando entre as unidades de ensino do município para incentivar a leitura em toda rede municipal. A ação é coordenada pela Gerência de Atividades Complementares e Programas Especiais (Gacpe), em parceria com as Divisões Distritais Zonais (DDZs).

“A finalidade do evento é estimular os alunos a ler, fazer com que eles sintam prazer no ato de ler e não obrigação. As crianças devem ser estimuladas à leitura desde criança, pois por meio da leitura amplia o conhecimento, seja no vocabulário, ou na visão de mundo”, explicou a coordenadora que destacou, ainda, que cada unidade decidirá seus momentos de estimulo à leitura durante a semana. “A programação ficará sob a responsabilidade e a critério de cada unidade de ensino. Quanto ao autor e a obra fica, a escola ficará livre para escolher as obras e autor que irá trabalhar”, afirmou.

A ação envolverá obras literárias de autores locais, nacionais e internacionais de cunho infantil, dentre elas: leitura recreativa, contação de histórias, recital de poesia, concursos, gincanas literárias, peças infantis, teatro de fantoches, encontro com autores locais e mostra de livros infantis com exposição.

Abertura

Na Escola Municipal Profª. Silvia Helena Costa de Oliveira Bonetti, localizada no Bairro Viver Melhor, zona Norte de Manaus, a atividade pedagógica envolverá, aproximadamente, 1,8 mil alunos do 1º e 5º do Ensino Fundamental. De forma lúdica, serão trabalhadas as obras dos autores Márcio Souza, Ruth Costa, Vinícius de Moraes, Monteiro Lobato, Ziraldo Alves Pinto e Ana Maria Machado. Até o fim da atividade na próxima sexta, os alunos participarão de rodas de leitura, contação e reprodução de histórias, além de confecção de portfólio e desenhos feitos com materiais recicláveis.

A pedagoga da escola, Leonice Soares, explicou que a ação é uma oportunidade dos alunos terem acesso a obras de autores renomados, que podem contribuir no desenvolvimento acadêmico dos alunos. “A ação é extremamente importante, porque há alunos que muitas vezes não têm acesso a livros e autores que serão trabalhados durante esta semana. É importante também porque a partir do conhecimento adquirido ao longo destes cinco dias o aluno vai poder fortalecer o seu lado cognitivo, a produção textual, a escrita, a leitura e, assim, poderá ficar mais motivado e tornar o seu conhecimento mais significativo”, declarou.

Para a estudante do 5º ano do Ensino Fundamental, Laís dos Santos Oliveira, 11, a ação vai contribuir em algo que desde cedo ela já faz, ler. “Só de saber que vou ter a oportunidade de conhecer a história de autores conhecidos me deixa muito feliz e ansiosa ao mesmo tempo, porque adoro ler e conhecer algo novo”, falou.

Publicado em: 3 de Outubro de 2017 10:43
COMPARTILHAR