As populações ribeirinhas, são povos que vivem nas beiras dos rios da região Amazônica. Quando moram próximos às cidades, geralmente são extremamente pobres e sofrem com as poluições dos rios(esgoto) assoreamentos e a erosão.

A comunidade ribeirinha da Amazônia vive em casas de palafitas. As atividades desempenhadas por esta população são o artesanato e a agricultura, sabendo que a maioria das culturas e criações de animais são complementares à alimentação como caça, pesca e extrativismo vegetal.

289
Foto:portaldoamazonas.com/Edson Piola

A comunidade ribeirinha da Amazônia vive em casas de palafitas. As atividades desempenhadas por esta população são o artesanato e a agricultura, sabendo que a maioria das culturas e criações de animais são complementares à alimentação como caça, pesca e extrativismo vegetal.

290
Foto: Socorro Maia / portaldoamajzona.com

Suas moradias são construídas utilizando a madeira como principal alternativa de construção. Construídas alguns metros acima do nível do rio para evitar que sejam  invadidas pelas águas durante as enchentes, as palafitas ainda possuem a tecnologia de uso de tábuas para subir o piso nos períodos de cheia.

O rio possui um papel fundamental na vida dos ribeirinhos. É através dele que são estabelecidas as ligações entre as localidades com a utilização de jangadas e barcos como o único meio de transporte. O rio é sua rua. É nele também que os ribeirinhos executam uma das principais atividades que lhes proporciona fonte de renda e de sobrevivência: a pesca.
COMPARTILHAR