Prefeituras podem concorrer a até R$ 5 milhões em investimentos do Ministério do Meio Ambiente para Gestão de Resíduos Sólidos

A Companhia de Desenvolvimento do Estado Amazonas (Ciama) está realizando um levantamento para qualificar as prefeituras do interior a concorrerem a até R$ 5 milhões de investimentos do Edital 2019, lançado pelo Ministério do Meio Ambiente, no final de agosto, com prazo para submissão de projetos até 30 de setembro.

“É um tempo muito curto para todo o levantamento de documentos, mas os nossos municípios podem e devem concorrer, pois acredito que preenchem os requisitos”, explicou a engenheira florestal da Ciama, Kathleem Machado.

O principal requisito, ainda segundo a engenheira, é que o município possua o Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos ou o Plano Municipal de Saneamento. Mas também há outras exigências técnicas que as prefeituras deverão obedecer.

“Estes critérios obrigatórios estão compilados e expostos no Formulário, disponível para download no site da Ciama (www.ciama.am.gov.br) e deverá ser preenchido pelas prefeituras e enviado para o email [email protected], até as 17h da próxima segunda-feira (23/09)”, destacou a engenheira.

Assessoria técnica – Após qualificar os municípios, a Ciama prestará assessoria em toda a elaboração das propostas das prefeituras, gerando economia, tendo em vista que os municípios não precisarão arcar com os custos para a elaboração destas propostas.

Para o presidente da Ciama, Aluizio Barbosa, é importante que os municípios busquem a Ciama dentro do prazo. “São projetos que variam de R$ 1 milhão a R$ 5 milhões e contemplam desde equipamentos como caminhões, biodigestores, contentores, caçambas, geradores de energia a gás, até composteiras e sacolas de compostagens”, informa.

Esta mobilização com as prefeituras está sendo realizada em parceria com a com a Associação Amazonense de Municípios (AAM). As duas instituições estão, ainda, trabalhando no planejamento de um evento que vai reunir os prefeitos de todos os municípios do interior, programado para o mês de novembro, em Manaus.

Close