Polícia detém grupo por furtos de fios de cobre de empresa de telefonia

Uma ação policial deflagrada pela equipe de policiais civis da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), na madrugada de terça-feira (10/09), por volta de 1h, resultou na prisão em flagrante de Bruno Costa de Carvalho, 22; Edgar Souza, 39; Geovane Barroso dos Santos, 33, e Gregony Rocha Carvalho, 34, por furto qualificado de fios de cobre de uma empresa de telecomunicações da capital. As prisões ocorreram em vias públicas, nos bairros Educandos e Distrito Industrial, na zona sul da capital.

A ação, coordenada pelos delegados Guilherme Torres e Demetrius Queiroz, titular e adjunto, respectivamente, da Derfd, teve início após registros de Boletins de Ocorrência (BO) feitos pela empresa de telecomunicação. De acordo com o titular da especializada, depois de receberem denúncia anônima informando sobre a prática dos furtos nas imediações dos bairros supracitados, policiais civis da Derfd se deslocaram até a área para flagrar os indivíduos.

“Ao chegarmos no local informado e constatarmos que o grupo estava fazendo o furto de fios de cobre, esperamos o momento certo e surpreendemos os infratores, momento em que dei voz de prisão a eles. Nós estamos intensificando investigações envolvendo delitos como esse, que chegam a causar prejuízo estimado em cerca de meio milhão de reais”, explicou Torres.

Ainda segundo o titular da especializada, outra operação que prendeu indivíduos que cometiam o mesmo crime, foi realizada há pouco mais de uma semana pela equipe da Derfd. De janeiro a agosto, já foram instaurados 28 Inquéritos Policiais (IPs) e 44 pessoas foram presas pela autoria desse tipo de delito.

Reincidente – A autoridade policial destacou que Geovanne já havia sido preso pela equipe da especializada em uma ação policial realizada no dia 30 de agosto, após cometer o mesmo delito.

Flagrante – Bruno, Edgar, Geovane e Gregory foram autuados em flagrante por furto qualificado. Ao término dos procedimentos cabíveis no prédio da Derfd, o trio será levado para audiência de custódia, no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul de Manaus.

Recapturado – Edgar Souza, preso em flagrante com os outros três infratores, é foragido da Justiça de Boa Vista há dois anos, condenado pelo crime de estupro a uma pena de 8 anos de reclusão.

 
 
 
Close