FOTO: Divulgação/PC-AM

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação do 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando do delegado Christiano Castilho, titular da unidade policial, prendeu, em flagrante, no início da tarde de segunda-feira (12/03), por volta de meio-dia, Daniel de Souza Pereira, 24, e Fernando Lima de Lima, 20, por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Castilho explicou que os infratores foram presos pela equipe do 14° DIP em uma residência localizada na rua Cristais Paulista, no bairro Tancredo Neves, zona leste da capital. De acordo com a autoridade policial, as diligências em torno do caso tiveram início após delações feitas ao disque-denúncia da unidade policial (92) 99529-9999, relatando que os infratores estariam comercializando substâncias ilícitas nas proximidades do endereço supracitado.

 “Na manhã de hoje nos deslocamos até o endereço indicado e, durante revista na residência, apreendemos em posse de Daniel e Fernando 103 porções pequenas de maconha do tipo skunk e 23 porções pequenas de cocaína. As drogas estavam embaladas em pequenas quantidades, em sacos plásticos transparentes, prontas para serem comercializadas”, declarou o delegado.

Conforme o titular do 14º DIP, no prédio da unidade policial foi verificado que Fernando tinha em aberto, em nome dele, mandado de prisão por um homicídio ocorrido em 2016. O documento foi expedido em 22 de março de 2017 e o caso corre em segredo de Justiça. Ainda durante consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), foi constatado que Daniel já havia sido preso por receptação e que respondia pelo crime em liberdade.

Daniel e Fernando foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, os infratores serão levados para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul da cidade.

Em razão do mandado de prisão por homicídio em nome de Fernando, ao término da Audiência de Custódia ele será conduzido ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

COMPARTILHAR