FOTOS: ROBERTO CARLOS/SECOM


Melhorar de vida, ter o próprio negócio ou ampliar a atividade já existente, muitos funcionando na própria residência, são os sonhos dos que buscam o microcrédito da Agência de Fomento do Estado do Amazonas S.A. (Afeam). E dezenas já deram o primeiro passo nesta semana: assistiram a palestra da Instituição, na qual conhecem o programa de financiamento do Governo do Amazonas que pode conceder até R$ 15 mil para o fomento de atividades econômicas.

“Tenho um salão de beleza em casa e quero ampliá-lo”, destaca Francienete Ferreira, 30 anos, que trabalha na atividade desde a adolescência. “Com o financiamento, quero comprar equipamentos novos, reformar o salão que tenho em casa, torná-lo mais confortável”, acrescenta ela, que atualmente sustenta a família apenas com a prestação do serviço realizado na própria residência.

João Batista da Silva é caminhoneiro, tem um cavalo mecânico e trabalha transportando carretas na cidade. Ele assistiu a palestra na Afeam nessa terça-feira (dia 20) com o intuito de ter acesso ao microcrédito para investir no próprio caminhão. “Ainda não sei quanto poderei conseguir, mas estou precisando de recurso para fazer alguns consertos na mecânica do caminhão e comprar pneus para continuar trabalhando”, destacou ele.

Orientação para empreender – A palestra é o primeiro passo para quem quer garantir o microcrédito. A participação é agendada exclusivamente pelo site www.afeam.am.gov.br, sempre às segundas e quartas-feiras, a partir das 19h.

 

A pessoa interessada clica no banner Agendamento Banco do Povo, localizado na página principal no site e fornece nome complete e número do CPF. Quem é microempresário formalizado, agenda diretamente o Atendimento, fornecendo, no mesmo espaço, o CNPJ da empresa.

Passo a passo – Após a palestra, o empreendedor é encaminhado ao parceiro Sebrae, onde faz um curso de gestão em negócios. Concluída a capacitação, o interessado agenda Atendimento na Afeam, também pelo site, às segundas e quartas-feiras, a partir das 19h. Na sede da agência de fomento é feito o cadastro do cliente. Após essa etapa, o Sebrae realiza visita técnica, para em seguida a Afeam analisar a solicitação do crédito.

Para capital de giro, o prazo de pagamento é de 24 meses, inclusos três meses de carência. Para a aquisição de máquinas e equipamentos, o prazo é estendido a 48 meses, incluindo seis meses para o início do pagamento das parcelas. E em ambos os casos , o microcrédito tem taxa de juros subsidiada pelo Governo do Amazonas, de 6% ao ano.

COMPARTILHAR