Fotos: Alex Pazuello / Semcom e Alexandre Fonseca / Seminf

Apesar da chuva da manhã da terça-feira, 13/3, as equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) seguem em ritmo intenso com os trabalhos de recuperação da rede de drenagem profunda da avenida Djalma Batista, na zona Centro-Sul. O prefeito em exercício e secretário de obras, Marcos Rotta, foi ao local para verificar o início da construção do desvio da nova rede.

Nesta fase dos trabalhos, está sendo retirada a antiga tubulação, construída há cerca de 40 anos, que passa por debaixo de uma lanchonete e um posto de gasolina existente no local. Paralelamente, está sendo construída uma caixa coletora de concreto armado para que seja desviada a nova rede. Dessa maneira, a nova tubulação não passará sob as edificações.

Segundo Marcos Rotta, com a chuva, o trabalho exige uma preocupação maior com a segurança. “A chuva nos obriga, ainda mais, a aumentar o nosso grau de segurança em relação aos desbarrancamentos e, principalmente, aos nossos trabalhadores que aqui estão”, explicou.

Ainda conforme Rotta, a obra segue a orientação do prefeito Arthur Virgílio Neto para que seja usado o mesmo grau de tecnologia e profissionalismo utilizado em outras obras na cidade. “Essa é uma obra rotineira para a Seminf e estamos com frentes iguais em outros pontos da cidade. Por isso, atingimos o número de 21 mil metros de novas redes de drenagem em 2017”, destacou.

Agentes do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) estão de plantão, 24 horas, nas vias do entorno da Djalma Batista para monitorar o trânsito e orientar os condutores sobre os desvios. A principal recomendação é para que os motoristas evitem as vias que dão acesso ao trecho em obras: João Valério e Pará.

Somente em caso de necessidade, para acessar a Djalma Batista, o Manaustrans orienta os seguintes desvios:

Sentido bairro/Centro – Entra à direita na rua João Valério; atravessa a av. Constantino Nery, acessa à esquerda na alça de retorno da rua Arthur Bernardes, segue pela rua Pará para chegar novamente na av. Djalma Batista e seguir em direção ao Centro.

Sentido Centro/bairro – A rua Pará está com trânsito liberado. Portanto, o condutor poderá acessar a Pará e entrar, à esquerda, na rua Rio Madeira para ter acesso à rua João Valério e, assim, chegar à avenida Djalma Batista para seguir no sentido bairro.

Para dar mais fluidez ao tráfego das zonas Centro-Sul e Norte, a Prefeitura de Manaus liberou a circulação da faixa exclusiva de ônibus, a “Faixa Azul”, nas avenidas Constantino Nery, Torquato Tapajós, Umberto

COMPARTILHAR