É difícil encontrar alguém que não sofreu com dores musculares pelo menos uma vez na vida,as causas podem ser diversas, como trauma ou choque, reumatismo, contusões, mudança de temperatura, excesso de sobrecarga muscular, esforço físico intenso, etc.

dores

No Amazonas pesquisadores desenvolveram um produto que pretende utilizar corrente elétrica para acabar com o mal estar gerado pelas dores musculares é  “Exdor’,  um  aparelho portátil e de fácil manuseio que foi uma das 40 propostas aprovadas no Programa Sinapse da Inovação.

O projeto  tem o apoio do Governo do Estado, através da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam).

O Exdor será um equipamento de eletroestimulação transcutânea (através da pele) portátil, onde próprio usuário irá regular a intensidade do estímulo elétrico do produto e usá-lo para tratar dores no corpo, a permissão de regulagem feita pelo usuário irá gerar feedback sensorial.

Será usado na composição do corpo do Exdor o tecido de fibra de curauá (Ananas erectifolius), planta típica da região amazônica, que é resistente e leve, tendo função isoladora. Também serão utilizados no equipamento adesivos de disco de gel de silicone atuando como ponte de ligação entre a pele e a corrente elétrica.

De acordo com a pesquisadora e coordenadora do projeto, Ayrles Barbosa Mendonça a inibição das dores ocorre por meio da ‘teoria fisiológica da comporta da dor’, em que o estímulo elétrico coíbe a sensibilidade do doloroso. Com base nesta teoria, conforme o projeto, o Exdor poderá ser usado sem restrição de idade.

A conclusão do protótipo do Exdor deve socorrer em até quatro meses a experiência promete não ter efeitos colaterais, nem necessidade de terapias ou de ingestão de medicamentos.

SOCORRO EM PAUTA 1

COMPARTILHAR