O sargento Salim de Alencar, 48, morreu vítima de arma de fogo, na tarde deste domingo (27), em coari (a 363 quilômetros a oeste de Manaus). Segundo a polícia Militar (PM), o tiro foi disparado pela mulher do policial, Maria das Graças Andrade Lopes, 30, durante uma discussão do casal, em frente a um hotel da cidade. A policia, a mulher disse que o disparo foi acidental.

De acordo com a PM, o casal foi visto discutindo verbalmente em frente ao Hotel El shaday, por volta das 16h deste domingo. conforme informações do major Pedro Moreira, comandante da PM em coari, a mulher encontrou o sargento “acompanhado” e a chamou para ir pra casa.

COMPARTILHAR