Foto: Divulgação

Uma mulher de 24 anos foi estuprada quando voltava da escola, em uma comunidade rural de Manaquiri na noite da última quarta-feira (8).

Conforme informações da Polícia Civil (PC), através de relatos da vítima, ela escapou da morte, após ter sido arrastada e violentada sexualmente por dois homens dentro de uma canoa, quando voltava da escola, localizada na Comunidade Italiana, onde foi surpreendida pelos homens.

Sob ameaça de uma faca, a mulher foi amordaçada, amarrada, agredida com pancadas na cabeça. Ela também teve umas das mãos cortadas. Após praticar a violência sexual, a mulher se fingiu de morta foi quando os criminosos jogaram a vítima amarrada e nua no rio.

Policiais civis da 33a Delegacia Interativa de Polícia (DIP), de Manaquiri, atuam para localizar e prender o estuprador.

COMPARTILHAR