A igreja evangélica Casa do Senhor, de Cuiabá, está oferecendo o “Curso de Libertação e expulsão de demônios” no próximo dia 14 de abril. De acordo com o Pastor Alex, um dos palestrantes, a postagem divulgando o curso já alcançou mais de 120 mil pessoas em todo o Brasil.

De acordo com o pastor Alex, seu ministério já tem experiência com este tipo de situação. Embasados em ensinos bíblicos e respaldo teológico, ele afirma que em sua igreja já presenciou a realização de vários milagres. Além dele, o pastor Alexandre M. também irá realizar palestras.

Culto de Adoração a Deus

Publicado por Casa do Senhor em Domingo, 25 de fevereiro de 2018

 

“É uma área que recebe muito preconceito, e nós estaremos fazendo um modelo dinâmico de palestra que vai ser sem meios termos, na prática. Nós vamos falar da preparação que uma pessoa tem que ter para realizar esta obra, o pós, de como tem que se defender depois em oração e jejum, e o principal, como que faz o negocio acontecer”, contou.

Ele explicou que a parte prática será através de demonstrações de vídeos em que foram realizadas as libertações. Ao final também será oferecida uma oração, para quem desejar, de libertação.

“Nós vamos relatar situações que Jesus passou, e também nós temos vídeos gravados por nós, que não fazemos divulgação, que serão passados no dia, fazendo pausas para explicar e dando espaço para perguntas. Nós não iremos usar ‘cobaia’, mas no final iremos fazer uma oração para aqueles que desejam. Não vai ser um show, não vai ser uma zombaria, ninguém vai filmar. E podem vir 20 pessoas, podem vir 10 ou pode não vir nenhuma, vai depender da pessoa”.

A postagem divulgando o curso, na página da igreja no Facebook, já obteve mais de 580 compartilhamentos e, de acordo com o pastor, já alcançou mais de 120 mil pessoas no Brasil. Ele conta que já foi procurado por pessoas de Recife (PE), São Paulo e Rio de Janeiro, e que caravanas de outros estados já confirmaram presença.

“O curso está sendo aberto para qualquer pessoa que queira conhecimento nesta área. Porque, por exemplo, existem muitos cursos que ás vezes denominam cargos, só para líderes ou pastores. E nós entendemos que para fazer a obra de Deus, a própria bíblia já diz ‘todos os que crerem em meu nome expulsarão demônios’, então independente de cargo e de religião, todos estão convidados”.

 Algumas pessoas o condenam por cobrar pelo curso, mas ele explica que o custo é por causa do material oferecido.

“Já deu muita polêmica por alguns não entenderem exatamente, por exemplo, falam que vamos cobrar para expulsar o demônio. Isso aí é uma maldade muito grande, não existe isso, qualquer curso teológico, tanto da igreja católica, do espiritismo, igreja evangélica, cobra-se pela questão do espaço, do coffe break, da apostila que vai ser dada. E estão fazendo esta bagunça falando que estamos cobrando para expulsar, mas não é isso. É um curso de libertação diferente”.

Mesmo assim, ele conta que não tem medo das represálias ou até mesmo de chacota e que irá continuar com o curso.

“Eu nunca tive medo. Depois que o Senhor Jesus me salvou, com 22 anos, me libertou de muitas coisas e abençoou a minha vida, eu li a Bíblia e vi do que ele foi capaz por mim, foi para uma cruz. Agora eu, com estrutura, no Brasil, com as leis ao nosso favor, com a índole que eu tenho, não temos medo de retaliação nenhuma, tudo isso é por amor a Cristo, vamos continuar. Tanto é que não tiramos a postagem, não sabíamos que ia dar esta repercussão, mas eu vejo que esta perseguição é porque o diabo não está satisfeito, e nós vamos continuar e será o melhor curso do Brasil deste tipo”, disse.

Ele ainda explicou que a intenção do curso é preparar qualquer pessoa para lidar com uma situação em que se depare com alguém em possessão.

“A libertação tem várias áreas, a principal é aquela que Cristo fez, de ir encontro a uma pessoa possessa e expulsar o demônio dela. Então o curso vai ser nesta área, orientar e ensinar as pessoas a como lidar quando se depararem com uma pessoa possessa, porque há uma confusão muito grande, e uma carência deste ensino”.

O curso terá capacidade para 400 pessoas e será realizado em Cuiabá, no dia 14 de abril. O preço para as inscrições é de R$ 50.

Olhar Direto

COMPARTILHAR