Foto Divulgação

O presidiário do regime semiaberto Helinton Alves Nogueira, de 27 anos, foi morto com mais de 15 tiros, na noite desta terça-feira (10), na rua 1º de Julho, no bairro da Glória, Zona Oeste de Manaus.

Segundo a polícia, testemunhas relataram que Helinton, que usava tornozeleira eletrônica do sistema prisional do Estado, foi morto por homens que estavam em um Fiat Uno. Helinton foi assassinado quando caminhava na rua 1º de Julho.

O corpo foi removido pelo carro do Instituto Medico Legal (IML). O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

COMPARTILHAR