Um grupo formado por 80 estudantes da rede municipal de ensino conheceram na terça-feira (20), um pouco mais sobre as missões do Exército Brasileiro na Amazônia. A visita dos alunos ao 1º Batalhão de Infantaria de Selva (1ºBis) coordenada e executada pela Escola do Legislativo Senador José Lindoso, faz parte faz parte da política de aproximação entre a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) e outras instituições, implementada pelo presidente deputado estadual Josué Neto (PSD).

neto

Os alunos chegaram à unidade militar por volta de 9 horas da manhã. Assistiram a formação de pelotões, assim como uma apresentação da fanfarra do Exército. Enquanto muitos já se davam por satisfeitos, os soldados realizaram ainda atividades de treinamento, simulando invasões. A empolgação de estudantes e professores transformou a visita em uma atividade interativa, baseada na emoção.

Para a diretora da Escola do Legislativo da Aleam, Jaqueline Ferreti, o encontro com os militares foi altamente positivo. “Vamos no reunir com os professores para incentivar essas visitas. É uma oportunidade maravilhosa de integração do Exército com a Sociedade Civil. A Aleam se orgulha de contribuir para isso”, explicou.

No grupo de estudantes, levados pela Escola do Legislativo ao 1º Bis, estavam jovens de 14 anos que pretendem um dia seguir a carreira militar. Alguns professores comentaram o assunto dizendo que vão incentivar esses adolescentes, pois confiam plenamente nos ensinamentos e na formação oferecida pelo Exército. “Aqui se aprende o respeito e a cidadania”, disse um dos professores, que preferiu não se identificar.

De acordo com o subdiretor da Escola do Legislativo, Fabiano Affonso, todo o entendimento, principalmente no que se refere à logística, está sendo feito entre a Aleam e o Exército, para que essas visitas orientadas sejam realizadas todas as terças-feiras, já durante o mês de novembro. “A terça-feira é especial devido ser o dia de formatura do batalhão. Não vamos medir esforços para trazer esses estudantes, pois todos saem daqui satisfeitos”, confirmou.

COMPARTILHAR