O setor primário amazonense vai receber, este ano, uma injeção de R$ 920 mil neste ano. O  recurso  vem de emendas impositivas do presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado David Almeida, para o orçamento do Estado de 2018. Das 19 emendas do parlamentar, quatro foram destinadas ao apoio de produtores dos municípios de Apuí, Anamã, São Paulo de Olivença e Maués.

As emendas foram aprovadas pelos parlamentares durante a votação da Lei Orçamentária Anual (LOA) na última sessão ordinária do poder, realizada no dia 26 de dezembro. Cada deputado indicou o destino de uma cota individual de R$ 5,7 milhões no orçamento, estimado em R$ 15,4 bilhões.

Entre os destinos das emendas impositivas de David Almeida ao Poder Executivo, por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), estão R$ 400 mil para o programa Terra Produtiva. A iniciativa é voltada para a aquisição de óleo diesel às máquinas que executarão o serviço de recuperação de estradas vicinais no município de Apuí.

O prefeito de Apuí, Roque Longo, disse que a situação das mais de cinquenta vicinais,  voltadas principalmente para áreas de assentamento, estão em uma situação muito complicada. Para ele, o recurso destinado para a compra de, aproximadamente, 100 mil litros de diesel, vai ajudar o município a diminuir o problema do abandono dos ramais por parte do Incra.

“Esse início de ano é um período muito complicado porque os quase 1,5 mil quilômetros de estradas vicinais estão em péssimas condições. O Incra construiu muitas estradas para os assentamentos, mas hoje estão todas abandonadas. Nós precisamos dela porque temos muitos produtores de leite, café, guaraná e gado que precisam escoar as suas produções”, disse o prefeito.

Também dentro do programa Terra Produtiva, o valor de R$ 300 mil deverá ser aplicado na locação de máquinas e equipamentos para o beneficiamento de produtores rurais. O recurso também será usado na aquisição de combustível para geradores de energia, tratores, veículos que fazem limpeza de ramais e embarcações do município de Anamã.

 “A atenção às estradas vicinais do nosso Amazonas é muito importante. Sem elas, os nossos produtores rurais não podem escoar as suas produções. Sem elas, muitos amazonenses ficam isolados a própria sorte. Agora com as emendas impositivas que aprovamos para Apuí e Anamã é o mínimo que podemos fazer como parlamentar”, disse David Almeida.

O presidente da Aleam destinou ainda, o valor de R$ 120 mil para a aquisição de dez triciclos. Os veículos rurais atenderão produtores rurais da agricultura familiar, do município de São Paulo de Olivença, tendo em vista a necessidade que eles de escoar a produção, principalmente, de banana e mandioca.

A Colônia dos Pescadores do município de Maués também será beneficiada com recursos das emendas impositivas destinadas a Sepror. O deputado designou o valor de R$ 50 mil para a reforma da sede da colônia como apoio à implantação de agroindústria de produtos de origem agropecuária, florestal e pesqueira.

O  programa Terra Produtiva também vai receber  mais R$ 50 mil por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra). Esse dinheiro será destinado a reforma da sede da Associação Pestalozzi de Maués, que atende pessoas especiais no município.

COMPARTILHAR