Foto: Dhyeizo Lemos

Diante da epidemia de sarampo registrada na capital amazonense, presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado David Almeida (PSB), anunciou nesta quarta-feira (4), que a Diretória de Saúde do Poder Legislativo vai realizar, para os servidores, uma campanha de vacinação contra a doença nos próximos dias.

Ele reforçou a importância da vacinação para todos e lembrou que o deputadoJosé Ricardo (PT) foi acometido do sarampo, se recuperando em casa. Segundo David, há três semanas a Casa Legislativa realizou campanha de vacinação contra o vírus H1N1 e sarampo e mais de 150 servidores foram atendidos. Ele destacou que agora, diante do recente anúncio de situação de emergência, será feita uma nova campanha para reforçar as ações contra esse surto que preocupa a sociedade.

“É preciso que todos atentem para a vacina. Ontem (terça-feira), o Jornal Nacional destacou que as pessoas não estão à procura da imunização e antes a procura era de 95%. Conversei com o diretor da Saúde da Aleam, Arnoldo Andrade, para que possamos fazer uma nova campanha e assim, imunizar os servidores contra a doença”, disse David.

O presidente observou que o sarampo era uma doença erradicada no Brasil, mas em virtude da chegada de milhares de venezuelanos no país por meio do Estado de Roraima, sem controle sanitário, a doença voltou e por isso Amazonas e Roraima voltaram a viver um surto da doença.

Nesta terça-feira (3), a Prefeitura de Manaus decretou "Situação de Emergência". O número de casos confirmados da doença chega a 271 na capital. O balanço foi divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). A maioria dos pacientes é composta por crianças de até cinco anos.

A Semsa informou que 1.841 casos suspeitos estão sob investigação. A Zona Norte também concentra o maior número, com 672. As zonas Leste (316), Sul (272), Oeste (268) e Rural (16) possuem casos em apuração. Devido a este cenário, a campanha tem sido intensificada, principalmente nas escolas.

COMPARTILHAR