Foto: Arquivo Agência Brasil

Na sexta-feira (5/1) o deputado federal e pré-candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro  anunciou que vai concorrer a presidência da República pelo Partido Social Liberal (PSL). Bolsonaro e o PSL divulgaram um comunicado, assinado pelo deputado e o presidente do partido, Luciano Bivar, em que anunciam o entendimento. O documento, no entanto, não fala em “filiação” do presidenciável.

Veja alguns trechos do comunicado do PSL

É com muito orgulho que o PSL recebe o deputado Jair Bolsonaro e sua pré-candidatura a Presidência da República. Outrossim, é com muita honra que o deputado se sente abrigado pela legenda, e muito à vontade em um partido onde existe total comunhão de pensamentos”. 

O comunicado  afirma que as prioridades tanto para Bivar quanto para Bolsonaro são “o pensamento econômico liberal, sem qualquer viés ideológico, assim como, o soberano direito a propriedade privada e a valorização das forças armadas e de segurança”. “Preservar as instituições” e “defender os valores e princípios éticos e morais da família brasileira” também são citados no texto, que anuncia a unificação dos objetivos do PSL aos “desejos de mudança” de Jair Bolsonaro.

COMPARTILHAR