Foto: Divulgação

Foi detido Ângelo Ricardo da Silva Leocadio Júnior, 18, em cumprimento a mandado de prisão pelo duplo homicídio ocorrido no conjunto Hiléia, bairro Redenção, zona Centro-Oeste, onde tia e sobrinho foram assassinados com crueldade, tendo as cabeças esmagadas.

Ângelo foi capturado no município de Presidente Figueiredo, por policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). A ordem judicial foi expedida pela juíza Roseane do Vale Cavalcante Jacinto.

Segundo o delegado titular da DEHS, Orlando Amaral, uma câmera instalada nas proximidades do local do crime registrou o momento em que Ângelo deixa o lugar vestindo as roupas de uma das vítimas, Alexsandro Mateus Araújo de Lima, 31. A tia dele, Arlete Pinheiro de Araújo, 70, também foi morta. Ambos foram encontrados despidos e com as cabeças esmagadas em banheiros da residência. Objetos levados pelo infrator no dia do crime foram recuperados durante a prisão. A partir da imagem divulgada pela polícia, Ângelo foi localizado em Presidente Figueiredo.

Segundo  depoimento, o acusado contou que havia conhecido Alexsandro há uma semana antes das mortes, por meio da rede social. No dia do duplo homicídio, eles tinham um encontro na casa da vítima, que era homossexual.

Os dois se desentenderam porque ele teria desistido de ter relações sexuais. Após luta corporal, o infrator contou que jogou a vítima no chão,  bateu a cabeça e desmaiou, foi quando ele o executou em seguida com crueldade. Por ser testemunha do crime, a tia foi morta da mesma maneira, agredida no chão do banheiro, sendo ainda esfaqueada. Ângelo foi indiciado por duplo homicídio qualificado e ao término dos procedimentos cabíveis na DEHS será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

COMPARTILHAR