FOTO: DIVULGAÇÃO/ARSAM

Na manhã desta sexta-feira (17/08), o diretor-presidente da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Amazonas (Arsam), os servidores da autarquia, colaboradores da Secretaria de Estado de Direito de Pessoas com Deficiência (Seped), representantes da Controladoria Geral do Estado do Amazonas (CGE-AM) e da Comissão de Transporte e Mobilidade Urbana da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), estiveram presentes em Iranduba (39,7 km de Manaus), para a entrega do ônibus com uma plataforma de acessibilidade aos cadeirantes da empresa Trans Kalina, situada na rua Trombeta, bairro Morada do Sol, no município.

Na ocasião, o proprietário da empresa, Telmo Macedo, falou que a aquisição do novo veículo foi realizada para atender os critérios exigidos pela Arsam e em razão da grande quantidade de pessoas com deficiência que utilizam o transporte intermunicipal de caráter semiurbano no trecho Manaus – Iranduba. “Para melhorias no atendimento e também suprir as necessidades de locomoção da população com necessidades especiais, adquirimos o veículo. A Arsam foi muito importante em todo o processo de credenciamento dos ônibus da Trans Kalina e no desenvolvimento das nossas atividades”, disse Macedo.

A representante da Comissão de Transporte e Mobilidade Urbana da Aleam, Christina de Mello e a Subcontroladora-Geral de Ouvidoria da CGE, Seilani Almendros explanaram sobre a transversalidade de ações entre os órgãos públicos para que projetos sejam fomentados e atinjam resultados satisfatórios em relação à acessibilidade da população e o Secretário Executivo da Seped, Ronaldo Brasil, agradeceu a empresa pela iniciativa e ressaltou a importância do veículo no que diz respeito à inclusão. “A inauguração deste veículo é o início de ações muito maiores, que nós da Seped em apoio às decisões da Arsam e da CGE, planejamos para que sejam efetivadas em benefício de todos” afirmou Brasil.

Durante a gestão do diretor-presidente da Arsam, Walter Cruz, foi instituída a resolução Nº005/2018 que autoriza as empresas de ônibus a realizarem o transporte intermunicipal de caráter semiurbano, além de estar em tramitação no Conselho Estadual de Regulação (Cercon) a resolução que cria o Passe Legal Intermunicipal, carteirinha que facilita o direito à gratuidade de pessoas com deficiência. “A parceria do Poder Público com o privado permite que a população tenha os diretos assegurados. Estamos realizando estudos para a implementação de uma nova resolução em que na renovação das frotas, todos os ônibus intermunicipais, seguindo o exemplo da Trans Kalina, possuam a plataforma elevatória para os cadeirantes’’, conclui Cruz.

COMPARTILHAR