FOTOS: Valdo Leão / Secom

Entre os cases de sucesso apresentados pelo Programa Sinapse de Inovação, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) um tem obtido resultados expressivos no mercado. Criado por empresários amazonenses, o aplicativo ‘Trocados’ funciona como uma espécie de ‘cofrinho’. Os usuários podem acumular os trocos que receberiam no comércio ou reverter os valores em recarga de celular e cartão PASSAFÁCIL, do transporte coletivo. Depois de um ano do lançamento oficial, o aplicativo já acumula mais de 20 mil trocos comercializados e mais de 10 mil pessoas beneficiadas.

 Co-fundador do aplicativo, o empresário Silvestre Paiva explica que a ideia surgiu após um contratempo pelo qual ele passou, quando não pode efetuar uma compra em razão da falta de troco no estabelecimento. A partir daí, ele e os outros dois sócios buscaram uma solução para um problema tão comum no comércio. Por meio do Programa Sinapse de Inovação, da Fapeam, eles investiram R$ 50 mil no negócio e puderam dar um importante incremento no projeto.

 “Quando a gente teve a ideia, começou a desenvolver o projeto, só que faltava aquela força para botar ele em prática, então a gente se inscreveu no Programa Sinapse da Inovação. Quando a gente conseguiu passar nesse processo, o negócio acelerou. A gente conseguiu colocá-lo no mercado mais rápido. Então, foi de total importância o apoio da Fapeam”, explica Silvestre.

 Criado oficialmente em abril de 2017 pelos sócios Silvestre Paiva, Amaike Kric e Eric Neves, hoje o aplicativo funciona em 40 estabelecimentos de Manaus, como supermercados, drogarias, restaurantes, lanchonetes e panificadoras. Uma das razões do seu sucesso no mercado é a facilidade de utilização do aplicativo pelos usuários.

No momento em que o caixa não tiver troco, o cliente informa que deseja recebê-lo na Trocados. O caixa, por sua vez, deposita o troco na Trocados, solicitando apenas o número do celular do cliente, que recebe um SMS validando o depósito do seu troco. Em seguida, ele pode acumular e resgatar o seu troco gratuitamente transferindo para uma conta bancária, comprar recargas adicionais de celular e recarregar seu cartão PASSAFÁCIL.

Entre os planos de expansão do negócio, está à conversão dos trocos dos clientes em corridas no aplicativo de transporte privado urbano Uber, além da reutilização dos valores acumulados em novas compras nos estabelecimentos cadastrados, segundo adianta o empresário Silvestre Paiva.

COMPARTILHAR