FOTOS: DIVULGAÇÃO/SEDUC

Sete alunos surdos, que concluíram o Ensino Fundamental em escola estadual de atendimento específico, foram aprovados no processo seletivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (Ifam). Quatro deles visitaram a sede da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc) e foram recebidos pelo titular da pasta, professor Lourenço Braga.

Na visita, os alunos contaram sobre as expectativas na nova escola e destacaram a importância do ensino que tiveram na Escola Estadual Augusto Carneiro dos Santos, uma escola de referência no atendimento a alunos com deficiência auditiva.

“Eu era muito bom dentro do Augusto Carneiro, tinha uma expectativa antes de estudar lá, pois os professores têm domínio em libras. Com o tempo fui aprendendo, eu percebi que era diferente, os professores são profissionais aptos nesse ensino. Tenho uma vida diferente, sou valorizado e tenho orgulho de ser surdo”, destaca Vagner Lima Januário, 17, um dos alunos aprovados no Ifam, e que está na 1ª série do Ensino Médio Técnico em Informática. Januário estudou do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental na escola Augusto Carneiro.

Para Thiago Carmerindo da Silva Freitas, 17, aprovado para a 1ª série do Ensino Médio Técnico em Edificações, no Ifam, o período que ficou na escola Augusto Carneiro foi fundamental no seu aprendizado. “Os professores me ensinaram e me ajudaram no meu desenvolvimento, dentro da (escola) Augusto Carneiro aprendi bastante e agradeço a todos que me ajudaram”, disse Carmerindo, que estudou na escola desde o 1º ano do Ensino Fundamental.

As atividades desenvolvidas pelos alunos da escola Augusto Carneiro durante o ano letivo estimulam toda a parte desportiva por meio do atletismo, natação e outras modalidades.

De acordo com o gerente de Atendimento Educacional Específico da Seduc, Marcos Alcântara, a Secretaria tem uma visão distinta para a inclusão social na educação. “O olhar é diferenciado para as demandas da educação especializada. As escolas especificas da Seduc têm profissionais preparados para desenvolver seus trabalhos com inclusão social e produzem resultados positivos como o que estamos vendo agora”, disse.

Ingresso será este ano

Os alunos foram aprovados no processo seletivo realizado pelo Instituo Federal no mês de novembro de 2017, para ingressar neste ano, 2018, que tem a proposta educacional da instituição, consiste na oferta de cursos da educação básica e profissional com a educação superior, incluindo cursos de pós-graduação (Lato Sensu e Stricto Sensu) em seus 15 campi no Amazonas.

“Eu sei que tudo é muito novo, mas procuro sempre questionar o intérprete nas coisas que não sei, os professores têm me ajudado, e assim vou me desenvolvendo para melhorar meu aprendizado”, enfatiza Phelipe Matheus Taveira, 20, aprovado no Ifam para a 1ª série do Ensino Médio Técnico em Informática.

Dos sete alunos aprovados, seis já iniciaram os estudos no Ifam, um deles, Pedro Victor Silva Rego, preferiu dar continuidade no Ensino Médio na escola da rede, na Escola Estadual André Vidal.

Escola especializada ainda tem vagas

A Seduc informa que a Escola Estadual Augusto Carneiro dos Santos, ainda disponibiliza de vagas para alunos surdos e surdo-cegos que neste ano queiram iniciar os estudos ou dar continuidade na formação básica de ensino de 1º ao 9º ano de Ensino Fundamental.

Além do ensino de surdos e surdos cego, a escola atende jovens e adultos que não conseguiram concluir os estudos no período regular, oferecendo a modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

As matrículas são realizadas diretamente na escola, na avenida Lourenço da Silva Braga, 155, Manaus Moderna, no Centro, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h. Com documentação original e cópia em mãos, junto com o laudo de audiometria indicando o grau de perda auditiva do aluno.

COMPARTILHAR